Quarta-feira, 16 de outubro de 2019 Cadastre-se

ISSN 1983-392X

Celebridade

quinta-feira, 30 de julho de 2015


Nevoeiro pela manhã na capital paulista. Congonhas fechado. Caos nos aeroportos do Brasil. Em sequência, todos os voos vão sendo atrasados. Em Brasília, passageiros embarcam num voo Gol rumo a SP, mas ficam duas horas dentro do avião, em solo, aguardando liberação, porque o avião só decola se houver previsão de pouso. O cenário era esse, anteontem. Nesse momento, uma simpática aeromoça dava estas informações e dizia que, ainda bem, havia um "famoso" a bordo para passar o tempo. No meio do avião, um jovem ator global já se empavonou. Mas, qual o quê, o "famoso" ao qual se referia a tripulante era ninguém mais, ninguém menos do que Joaquim Barbosa. Ato contínuo, passageiros foram indo, um a um, tirar foto com a celebridade que estava na primeira fileira. Coincidentemente ao lado do ministro, o repórter migalheiro algumas vezes serviu de fotógrafo para a tietagem. Tendo se iniciado o voo, acabou a sessão de fotos, e nosso repórter pôde, enfim, trabalhar. Conversou longamente com o ministro, mas S. Exa. disse que não dá entrevistas, de modo que o que foi dito fica em off.