sexta-feira, 1 de julho de 2022

PÍLULAS QUENTES

fechar

Cadastre-se para receber o informativo gratuitamente

  1. Home >
  2. Pílulas >
  3. Realidade do Judiciário

Realidade do Judiciário

Com auditório lotado, ministro Barroso abriu o segundo dia do 7º Congresso Brasileiro de Sociedades de Advogados.

quinta-feira, 11 de agosto de 2016

Com auditório lotado, o ministro Barroso deu início ao segundo dia do 7º Congresso Brasileiro de Sociedades de Advogados. Durante a palestra, o ministro falou da judicialização que tornou a sociedade extremamente litigiosa.

Para ele, a massificação da Justiça mudou significativamente o perfil de atuação do poder Judiciário. Não existe mais aquele juiz que tece fio a fio sua decisão. Não é possível, não é desejável, mas é a realidades dos juízes brasileiros. É necessário que se mude também o perfil do advogado, fazendo a revolução da brevidade.

O ministro ainda falou de premissas para acelerar o STF. Segundo Barroso, o Supremo não pode reconhecer mais repercussão geral em um ano do que é capaz de julgar. Por isso, defendeu um limite de 20 repercussões gerais por semestre e que a seleção deve se dar por importância e relevância. Atualmente, de acordo com ele, há 320 processos em estoque, muitos dos quais deveria ser retirada a repercussão geral.

Atualizado em: 11/8/2016 09:48