Segunda-feira, 21 de outubro de 2019 Cadastre-se

ISSN 1983-392X

Baú migalheiro

segunda-feira, 29 de janeiro de 2018


Há 113 anos, no dia 29 de janeiro de 1905, faleceu, no RJ, aos 51 anos, José do Patrocínio, uma das figuras mais importantes da campanha pelo fim da escravidão no Brasil. Além de militante em prol da causa abolicionista, foi jornalista, orador, poeta e romancista. Considerado por seus biógrafos o maior de todos os jornalistas da Abolição, Patrocínio não se limitou a lutar apenas por escrito pelo abolicionismo. Fundou, com Joaquim Nabuco, a Sociedade Brasileira Contra a Escravidão, um dos principais órgãos abolicionistas do período, militando ativamente até o triunfo da causa, em 13 de maio de 1888. Foi um dos fundadores da Academia Brasileira de Letras, ocupando a cadeira de nº 21, que tem Joaquim Serra como patrono.


O jornalista José do Patrocínio dedicou sua vida à causa abolicionista.