Quarta-feira, 21 de agosto de 2019 Cadastre-se

ISSN 1983-392X

Selecionando a informação

terça-feira, 21 de agosto de 2018


Lula vai ser candidato? Muito provavelmente não. Lula é candidato? Por enquanto é. Dito isso, o jornal O Globo de hoje erra ao anunciar o resultado da pesquisa Ibope, na manchete, com um "Sem Lula,...". Ora, como bem sabemos, o Direito não é uma ciência exata. De maneira que é quase certo que Lula não será candidato. Como se disse, é "quase". E não cabe a quem quer informar decidir previamente.

Selecionando a informação – I

Não é primeira vez nesse pleito que a Globo se imiscui indevidamente. Vejamos. No sábado, tendo em mãos uma "exclusiva" sobre Bolsonaro, o autor da reportagem colocou na resenha da página on-line do matutino o seguinte texto: "Acho que podemos deixar para entrar no site amanhã, né, pra render o dia todo, ninguém mais tem." Evidentemente, era um comentário interno, destinado apenas ao editor. Todavia, afora o sofrível uso do vernáculo, o trecho que escapuliu diz muito sobre o que se passa no bastidor. É certo que a escolha editorial integra a liberdade de imprensa. Mas quando se trata de bulir com o pleito eleitoral, essa flexibilidade é mitigada. Um jornalismo isento indicaria que, tendo a matéria pronta, ela vai ao ar. Escolher o melhor momento para "render mais", é correr o risco (ou querer) prejudicar "A" ou "B". Isso para não falar no fato de que uma matéria que "informa" que o "MPF estuda nova investigação" é, convenhamos, um nada jornalístico. "MP estuda?" Sinceramente... quer dizer agora que isso é notícia? Se sim, estamos todos perdidos.

Selecionando a informação – II

Não é por nada não, mas a Globo deveria revisitar alguns pontos em seu manual para não ter, depois, que ficar se desculpando de forma tartamudeante no ponto eletrônico. Miriam Leitão que o diga...