Sábado, 19 de outubro de 2019

ISSN 1983-392X

Revelações - Lava Jato

“Houve ilegitimidade no proceder”, diz Ayres Britto sobre Lava Jato

Em entrevista à GloboNews, o ministro ainda falou da suspeição de Sergio Moro: "o Intercept veio a revelar coisas inadmissíveis".

quinta-feira, 10 de outubro de 2019

"O Judiciário não pode ser nascente, corrente e foz de um mesmo rio. Não pode fazer as três coisas ao mesmo tempo. E nessa operação Lava Jato, houve mistura das três coisas."

Assim afirmou o ministro aposentado do STF Carlos Ayres Britto ao ser perguntado sobre a atuação de Sergio Moro como juiz da Lava Jato.

O ministro concedeu entrevista ao programa Central Globo News, transmitida nesta quarta-feira, 9, na qual foi enfático ao falar sobre a operação: embora exista saldo positivo, "houve ilegitimidade no proceder".

Sobre a imparcialidade de Moro, o ministro afirmou que pode ser questionada, e disparou: "o Intercept veio a revelar coisas inadmissíveis".

Assista a trecho:

patrocínio

Bradesco Advertisement VIVO

últimas quentes