segunda-feira, 12 de abril de 2021

MIGALHAS DE PESO

Publicidade

PEC das domésticas

Ednaldo Gamboa

De lei em lei, PEC em PEC, resolução em resolução, o cidadão contribuinte vai ficando cada vez mais acuado, taxado e pressionado.

terça-feira, 9 de julho de 2013

Mais uma vez, rasga-se a Constituição Federal.

O relator dessa eleitoreira PEC, um senador que tem nome esquisito, vai inserir na emenda "o direito de fiscalizar o cumprimento da PEC nos domicílios".

Ora, significa que os fiscais do MT poderão "invadir" o asilo inviolável do cidadão, sempre que desejar, mesmo tendo um adendo na "ideia desse senador", que isto somente ocorrerá com o consentimento e agendamento do empregador.

Porém, se o patrão não concordar, está previsto "outros meios", o que significa que a fiscalização, diga-se a invasão domiciliar, poderá se dar por ordem judicial, em outras palavras INVASÃO LEGAL DO LAR.

Esse é o verdadeiro estado de direito - já temos invadida nossa privacidade bancária, fiscal, telefônica e de imagem, e agora vão tomar de assalto nossas residências.

Que fiscalize-se o cumprimento da lei, mediante a reclamação da própria doméstica, e para isso, sobra para Justiça do Trabalho mais um reflexo dessa malsinada inovação trabalhista, pois de outro modo, os fiscais do MT., teriam que bater de porta em porta : tem empregado doméstico aqui ?

Melhor faria o ilustre senador se apresentasse um projeto permitindo ao cidadão fiscalizar gabinetes de Senadores e Deputados, examinando suas verbas, seus funcionários, suas regalias, seus projetos e sua frequência ao "trabalho".

E assim, de lei em lei, PEC em PEC, resolução em resolução, o cidadão CONTRIBUINTE vai ficando cada vez mais acuado, taxado e pressionado, e hoje está mais espremido do que São Jorge em lua de quarto minguante.

_____________

* Ednaldo Gamboa é advogado.

Atualizado em: 8/7/2013 15:03

AUTORES MIGALHAS

Busque pelo nome ou parte do nome do autor para encontrar publicações no Portal Migalhas.

Busca

Publicidade