domingo, 11 de abril de 2021

MIGALHAS DE PESO

Publicidade

De Pontes de Miranda à era da inteligência artificial na advocacia

Luciano Martins

O principal diferencial dos homens e mulheres que marcaram a carreira jurídica está justamente em estar, muitas vezes, na vanguarda, conduzindo movimentos de inovação. Portanto, os advogados famosos dos dias atuais certamente estarão na dianteira do movimento de introdução da tecnologia no Direito.

sexta-feira, 30 de agosto de 2019

Em uma imagem de Pontes de Miranda, um comentário chama a atenção: "e nós dizendo que não temos tempo". De fato, não é fácil publicar 60 volumes de um Tratado de Direito Privado, sobretudo diante do modelo da advocacia contemporânea, corrida e marcada por grandes desafios. Mas se ele conseguiu, é possível que mais advogados e advogadas consigam também.

Assim como as máquinas de escrever deram lugar aos computadores, também a tecnologia jurídica se modificou. Peças, antes, datilografadas, são digitadas. E, inclusive, há modelos de peças processuais pré-configurados, que podem ser adaptados aos casos concretos. A inteligência artificial ganhou destaque, sobretudo no que concerne às facilidades em um software jurídico. O tempo gasto com cadastro de tarefas, hoje, é reduzido por meio da sugestão automática possível pelo emprego da inteligência artificial. A consulta às intimações é otimizada com o uso de robôs que realizam a captura.

E se os advogados famosos eram conhecidos, em sua maioria, por uma irreverência, é difícil imaginar que eles não adotariam essas facilidades, ainda que elas causassem receio em uma camada mais conservadora da advocacia. O principal diferencial dos homens e mulheres que marcaram a carreira jurídica está justamente em estar, muitas vezes, na vanguarda, conduzindo movimentos de inovação. Portanto, os advogados famosos dos dias atuais certamente estarão na dianteira do movimento de introdução da tecnologia no Direito.

Software jurídico como solução na advocacia

A reclamação da falta de tempo é comum na advocacia. Os profissionais, de modo geral, lidam com um número alto de processos. E todos são atravessados pelos prazos processuais. Além disso, precisam lidar com a gestão na advocacia e tarefas administrativas para as quais, muitas vezes, não foram preparados. Afinal, não se ensina esse tipo de matéria nas faculdades de Direito.

Quando esse processo, contudo, é facilitado, tudo passa a fluir melhor. Se há um software seguro para capturar intimações, o advogado pode utilizar o tempo antes gastos em busca de cada Diário Oficial de Justiça para pesquisar mais sobre Direito. Assim, pode ter tempo para se dedicar a um mestrado em Direito, desenvolver teses inovadoras ou mesmo encontrar soluções para os problemas com que lida. Assim, escrever 60 volumes parece um pouco menos difícil, ainda que se admita que continua a ser um número alto de produção.

Então, será que os advogados famosos usariam um software jurídico? Não é possível transportá-los no tempo para ter a resposta a essa pergunta. Mas a probabilidade de que utilizassem é bastante grande. Os advogados famosos não abdicaram de suas carreiras para fazer história no Direito. E sempre apostaram no novo. Dificilmente devem ter resistido à ideia de usar máquinas de escrever porque escrever à mão era a tradição.

Como os advogados contemporâneos podem se dedicar à irreverência se estão presos a tarefas manuais para os quais não foram preparados para fazer? Os juristas aprendem leis, aprendem aplicação de normas, e a maior parte daqueles que seguem adiante na carreira jurídica desejam fazer isso ao invés de gastar horas do seu dia verificando sites de tribunais para ver a movimentação dos seus processos.

Tecnologia e destaque na carreira jurídica

Portanto, utilizar ferramentas como um software jurídico garante mais tempo para tarefas menos mecânicas. Assim, pode-se focar em levar o trabalho a quem precisa dele, consolidando o nome no mercado e garantindo mais clientes. Pode-se focar em um processo difícil. Pode-se até aceitar mais processos.

Em meio a mais de 1 milhão de profissionais, de fato, parece algo impossível, sobretudo quando todos estão tão absorvidos por um tempo volátil - quase líquido - apressado e mecanizado. E se a tecnologia pode, sim, ser uma aliada na relação com o tempo, por que não utilizá-la a seu favor? Quem sabe assim, o tempo para fazer melhor o que se deseja fazer surja naturalmente. E você pode experimentar isso com o SAJ ADV - software jurídico.

t

___________

*Luciano Martins é project owner do SAJ ADV - Software Jurídico.

Saj Adv Sistemas LTDA

Atualizado em: 28/8/2019 14:27

AUTORES MIGALHAS

Busque pelo nome ou parte do nome do autor para encontrar publicações no Portal Migalhas.

Busca

Publicidade