sábado, 20 de agosto de 2022

MIGALHAS DE PESO

  1. Home >
  2. De Peso >
  3. 5 tendências jurídicias para 2022

5 tendências jurídicias para 2022

Além de os processos eletrônicos serem uma tendência em 2022, contar com sistemas que facilitem o andamento destes via web também será.

quarta-feira, 19 de janeiro de 2022

Atualizado às 08:19

(Imagem: Arte Migalhas)

Você sabe quais são as principais tendências da advocacia para o próximo ano? É fato que novas especializações surgiram nos últimos anos no Direito. Isso acontece, pois, com a modernização e transformação da profissão, novas demandas surgem e com elas a necessidade de novos profissionais.

Assim, uma das principais tendências para os próximos anos é que, cada vez mais se fale em Direito Digital. Isso refere-se, tanto ao Direito Digital enquanto uma área do Direito, como em relação a transformação jurídica que fará que cada vez mais as atividades do ramo legal ocorram em ambientes virtuais.

Além disso, a transformação no Direito é algo que acontece gradativamente. Portanto, a cada ano novas tendências podem ser indicadas. E elas podem mudar o rumo da profissão. Dessa forma, falarei sobre cinco tendências jurídicas para o ano que virá.

1 - Marketing de conteúdo

Com o Provimento 205/21 da OAB que dispõe sobre as regras de publicidade na advocacia, podemos esperar um explosão de escritórios que devem passar a utilizar o marketing de conteúdo como estratégia publicitária.

Isso porque, segundo o provimento, esta é uma estratégia de marketing que não desrepeita o código de ética da advocacia, e portanto, pode ser aplicado sem problemas.

O motivo disto é o fato de que esta estratégia volta-se  mais à informação do que à venda. Isto é, o marketing de conteúdo busca solucionar uma dúvida de um cliente em potencial por meio de um conteúdo, em um primeiro momento. O intuito é fazer-se conhecido e lembrado pelo potencial cliente.

Portanto, o marketing de conteúdo é uma das principais tendências em 2022.

2 - Advocacia remota

Outra atividade que provavelmente será comum no ano de 2022 é a advocacia remota, ou então, os escritórios digitais.  Isso porque, a pandemia que assolou o mundo em 2020 mostrou que, com alguns sistemas e plataformas, era possível atender aos clientes de qualquer lugar.

Assim que as empresas, dos diversos ramos perceberam as vantagens de manter os seus colaboradores em suas casas, elas optaram por tornar esse modelo o modo oficial de produção. Afinal, é um método que é benéfico tanto para a empresa quanto para o colaborador.

Essa realidade também assolou os escritórios digitais, especialmente depois que vários adquiriam softwares jurídicos com computação em nuvem, e perceberam a facilidade do uso desses sistemas.

3 - Inteligência Artifical (IA)

O aumento do uso das tecnologias também mostrou que a Inteligência artificial também é forte tendência no mundo jurídico.

Isso porque, diversos softwares de gestão ou de consultas nos tribunais contam com funcionalidades que facilitam o dia a dia por meio da IA.

4 - Legal Design

Apesar de ser um tema controvérsio, o uso do Legal Design é uma realidade na advocacia. Isso porque, essa é uma maneira de facilitar a produção e leitura de peças jurídicas.

Isso porque, a técnica utiliza métodos do Design para a criação de peças, apresentações e modelos no meio jurídico.

Assim, além de facilitar e tornar mais ágil a leitura de peças por juízes, também facilita a leitura e compreensão dos clientes. Desse modo, a comunicação com os clientes se torna melhor e estes saem mais satisfeitos com o trabalho do advogado.

5 - Processos eletrônicos

O Conselho Nacional de Justiça decretou, em sessão ordinária decidiu que a partir de março de 2022, os tribunais não poderão utilizar processos físicos. Desse modo, obriga a escritórios e tribunais a fazer a digitalização de todos os documentos que os mesmo tinham

Assim, além de os processos eletrônicos serem uma tendência em 2022, contar com sistemas que facilitem o andamento destes via web também será.

Portanto, uma aposta que faço é que os sistemas para peticionamento eletrônico serão também uma tendência que assolará, especialmente, o mundo da advocacia.

Athena Bastos

Athena Bastos

Mestra em Direito e analista de conteúdo do SAJ ADV - Software Jurídico.

SAJ ADV - Software Jurídico