MIGALHAS DE PESO

  1. Home >
  2. De Peso >
  3. Migalhas de peso >
  4. Por que o povo americano não sai na rua em massa para protestar?

Por que o povo americano não sai na rua em massa para protestar?

Você já não se perguntou por que o povo americano não sai na rua em massa para protestar? Talvez eu tenha a resposta

terça-feira, 16 de agosto de 2022

Atualizado em 17 de agosto de 2022 08:55

Por que o povo americano não sai na rua em massa para protestar?

Se você acompanha o noticiário, principalmente o que acontece nos Estados Unidos, você já se perguntou isso.

É sabido que a agressiva e destruidora manifestação que aconteceu no verão de 2020 com a morte de George Floyd em Mineapólis, no estado de Minesota, onde não só os Estados Unidos mas o mundo, ficaram impressionados com quebradeira de mais de 500 atos de rebelião, causando dezenas de mortes, entre civis e policiais, causando bilhões de dólares de prejuízo, quebrando tudo que era histórico, desde estátuas, monumentos, negócios, enfim, tudo que tinha uma proposta patriota, americana e capitalista, foi um movimento muito bem orquestrado e financiado. Isso é fato!

Mas por que o povo americano não sai na rua em massa para protestar?

Antes de responder essa pergunta dando a minha opinião, tenho que dar uma definição da palavra síndrome.

Síndrome (do grego "syndromé", cujo significado é "reunião") é um termo bastante utilizado em Medicina e Psicologia

Mas para essa matéria, vamos usar a definição de síndrome que é usado em psicologia.

Síndrome é para caracterizar o conjunto de sinais e sintomas que definem uma determinada patologia ou condição.

Antes de deixar a minha opinião, quero deixar bem claro, que não sou médico, nem estudioso, mas sim um curioso que tenta observar ao máximo os fatos, e comentar!

A minha opinião é em cima do que leio, escuto e da quantidade de imigrantes que já conversei sobre esse assunto, desde 1991 quando aqui cheguei nos Estados Unidos.

Medite no que vai ler, e tire as suas conclusões.

Dito isto, ouso a dizer que a resposta do porquê o americano não sai na rua em massa para protestar é o que chamo de Síndrome do Ar-Condicionado Central.

WOW! Como é Richard?!

Sim! Síndrome do Ar-Condicionado Central. Acho que um dos grandes problemas que os americanos enfrentam de um modo geral, é a zona de conforto.

E como sabemos, zona de conforto, todos nós temos, cada um à sua, e todos nós lutamos com ela.

Viver na zona de conforto é muito agradável, mas muito perigoso.

Esse país chamado Estados Unidos mascara praticamente tudo que acontece aqui.

Mascara na qualidade de vida e a facilidade de adquirir as coisas, seja supérflua ou não! Tenha você dinheiro ou não.

Essa agenda democrata que corre em paralelo com o capitalismo, já está sendo montada há décadas.

É sabido que a massa dos americanos, não querem sair da zona de conforto, e esse problema está aí para todo mundo ver. Só não acredita quem não quiser.

Aprendemos que o mau que te ameaça, se você não resistir, não combater, vai acabar te derrubando, não é assim?

Você não pode mudar aquilo que não confronta!

Isso não é uma questão de se, mas de quando. Pode acreditar nisso!

Veja só...

O voto aqui não é obrigatório. Se você acompanhar o percentual de eleitores que não votam chega a ser assustador.

Países entram em Guerra civil, milhares de pessoas morrem mundo a fora para poder votar, exercer o seu direito cívico de cidadão, e milhões de eleitores americanos esnobam esse privilégio. Mas de um modo geral, 100% reclamam. Não é curioso isso?

Se agarram na máxima onde todos nós fomos enganados desde crianças onde fomos ensinados: política não se discute.

Vamos pegar por exemplo os imigrantes...

Imagina você. Imagina esses quatro milhões de imigrantes que atravessarão a fronteira até o final do governo democrata de Joe Biden.

Sabe Deus de onde eles saíram. Sabe Deus o que eles passaram na travessia da fronteira, atravessando deserto, cada um com a sua experiência mais traumática, mulheres e crianças então, nem se fala.

Amanhã, os democratas que sempre fazem de tudo para legalizá-los para ganhar votos, criam legislações absurdas. Criam situações inimagináveis para os padrões americanos.

Você acha que esses imigrantes dentro os outros milhões de eleitores sairão nas ruas para protestar?

Claro que não! Eles vão dizer: Você sabe de onde eu saí? Você sabe de onde eu venho? Onde eu morava não tinha nem água corrente. Eu não tinha carro, morava em um barraco, não tinha ar-condicionado e por aí eles vão contando as misérias, hoje eu tenho tudo! Dizem eles!

E assim meu caro leitor, minha cara leitora, a agenda radical "democrata" vai sendo implantada não só nos Estados Unidos, mas ao redor do mundo, infiltrando as sociedades, não importando o tamanho, onde hoje os mais comprometidos dominam.

Fechando essa matéria, a bíblia nos ensina no livro de Lucas 16:8 - Porquanto os filhos deste mundo são mais sagazes entre si, na conquista dos seus interesses, do que os filhos da luz em meio à sua própria geração.

Richard W. Sanchez

VIP Richard W. Sanchez

Brasileiro Americano residente em Miami desde 1991. Empresário. Consultor Empresarial com especialidade em Marketing e Vendas por atacado. Desenvolvimento de Negócios. Internacionalização de Empresa. Inteligência Comercial. Blogger. Palestrante. YouTuber.

AUTORES MIGALHAS

Busque pelo nome ou parte do nome do autor para encontrar publicações no Portal Migalhas.

Busca