sábado, 17 de abril de 2021

PÍLULAS

Publicidade

Saudações migalheiras

Respeitosamente cumprimentamos o ministro Dias Toffoli pelo exitoso mandato à frente da Suprema Corte brasileira.

terça-feira, 8 de setembro de 2020

Ministro Toffoli é daqueles que sabem analisar as circunstâncias, reconhecendo e aceitando o interlocutor que está diante de si na mesa. Toffoli não quis mudar o país, mesmo porque essa não é a função do presidente do STF. O que o ministro Toffoli fez, quer nos parecer, foi garantir que a instituição que presidia fosse - o que de fato foi - o esteio do Estado Democrático de Direito. O ministro foi mal compreendido muitas vezes. Mas é coisa natural para quem age prevendo movimentos. Todavia, entendia-se logo que S. Exa. já tinha antevisto algo. Errou algumas vezes? Talvez, nem sempre se acerta. Mas o saldo é largamente positivo. Foi pego por uma pandemia, e rapidamente adaptou o Tribunal, que não parou. Frise-se, não parou, servindo de exemplo para todo o Judiciário. A história e o distanciamento do tempo poderão ser julgadores melhores deste biênio. O que nos afigura, no entanto, é que o ministro Toffoli foi o presidente do STF ideal para o momento exato. Por tudo isso, respeitosamente cumprimentamos o ministro pelo exitoso mandato à frente da Suprema Corte brasileira.

t

Atualizado em: 17/9/2020 08:07

LEIA MAIS