segunda-feira, 12 de abril de 2021

PÍLULAS

Publicidade

Baú migalheiro

quinta-feira, 17 de dezembro de 2020

Em 17 de dezembro de 1830, há 190 anos, morreu Simón José Antonio de la Santísima Trinidad Bolívar Palacios y Blanco, mais conhecido como Simón Bolívar, aos 47 anos de idade, segundo consta no comunicado oficial. Foi um militar e político venezuelano e uma das figuras mais eminentes da Emancipação Americana frente ao Império espanhol, junto com o argentino José de San Martín. Contribuiu de maneira decisiva com a independência das atuais Bolívia, Colômbia, Equador, Panamá, Peru e Venezuela. Os restos mortais do Libertador receberam sepultura cristã no altar-mor da suntuosa Catedral Basílica de Santa Marta e nesse sagrado recinto repousaram tranquilamente, até dezembro de 1842, quando foram transferidos a seus países de origem, a Venezuela, cumprindo-se, assim, o pedido de seu Testamento.

(Imagem: Arte Migalhas)

(Imagem: Arte Migalhas)

Atualizado em: 16/12/2020 14:57