sábado, 6 de março de 2021

PÍLULAS

Publicidade

Baú migalheiro

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2021

Em 22 de fevereiro de 1512, há 509 anos, faleceu o navegante que trabalhou a serviço de Portugal e da Coroa de Castilla, Américo Vespúcio. Foi considerado o primeiro europeu a compreender que as terras descobertas por Cristóvão Colombo formavam um novo continente. Por esta razão o cartógrafo Martin Waldseemüller em seu mapa de 1507 utilizou o nome de "América" em sua homenagem como designação para o Novo Mundo. O relato frequentemente fantasioso e contraditório de suas viagens o classificou como uma das figuras mais controvertidas da Era das Explorações. Desde que Vespúcio anunciou a descoberta do novo continente, este tinha recebido vários nomes, cuja aplicação e aceitação eram geralmente regionais. Assim, os espanhóis o chamavam "Índias" ou "A grande Terra do Sul"; os portugueses, "Vera Cruz" ou "Terra de Santa Cruz". Alguns cartógrafos empregavam "Terra do Brasil" (que, entretanto, aludia a uma ilha imaginária), "Terra de Papagaios", "Nova Índia", ou simplesmente "Novo Mundo". 

(Imagem: Arte Migalhas)

(Imagem: Arte Migalhas)

Atualizado em: 19/2/2021 18:36