domingo, 23 de janeiro de 2022

PÍLULAS QUENTES

fechar

Cadastre-se para receber o informativo gratuitamente

  1. Home >
  2. Pílulas >
  3. Baú migalheiro

Baú migalheiro

segunda-feira, 25 de outubro de 2021

Em 25 de outubro de 1975, há 46 anos, morreu o jornalista, dramaturgo e professor, Vladimir Herzog, após ter sido preso pela ditadura militar. Conhecido por lutar a favor da democracia no Brasil, Herzog se tornou símbolo de resistência. No ano de 1975, o jornalista foi escolhido pelo secretário de Cultura de São Paulo, José Mindlin, para dirigir a TV Cultura. Nesse período, segundo o Instituto Vladimir Herzog, "sua postura política e seu compromisso com uma prática jornalística voltada para a divulgação das notícias do Brasil real produziram reações e denúncias por parte de acólitos da ditadura". A versão oficial da época sobre a morte de Vladimir, apresentada pelos militares, foi a de que ele teria se suicidado. Em março de 2013, o Tribunal de Justiça de São Paulo atendeu a um pedido da Comissão Nacional da Verdade e emitiu novo atestado de óbito a Herzog, em que sua morte é atribuída a "lesões e maus-tratos durante o interrogatório".

(Imagem: Arte Migalhas)

Atualizado em: 22/10/2021 14:10