Migalhas

Sábado, 22 de fevereiro de 2020

ISSN 1983-392X

Violência

Desembargador do TJ/SP Adilson de Andrade é encontrado morto

Presidente do TJ/SP decretou luto oficial de três dias nas unidades judiciárias de todo o Estado.

quarta-feira, 11 de abril de 2012

Ontem, o corpo do desembargador Adilson de Adrade,  foi encontrado em sua residência em Santos/SP com dois tiros no abdômen. No boletim de ocorrência a morte foi registrada como suspeita.

O presidente do TJ/SP, desembargador Ivan Sartori, decretou luto oficial de três dias nas unidades judiciárias de todo o Estado.

Adilson de Andrade era formado pela Faculdade Católica de Direito de Santos (Turma de 1975). Foi escrevente do 2º Cartório de Notas e Ofício de Justiça, Seção Judiciária, em São Paulo de 1979 a 1981. Ingressou na magistratura em 1982 na 36ª Circunscrição Judiciária de Araçatuba, foi removido para a 1ª CJ com sede em Santos e judicou ainda nas comarcas de Juquiá, Cotia e São Vicente, foro Regional de Jabaquara, na capital, até ser promovido a desembargador, pelo critério de antiguidade, em 8/3/06.

O desembargador integrava a 3ª câmara Direito Privado do Tribunal.

patrocínio

últimas quentes

-