Migalhas

Sexta-feira, 28 de fevereiro de 2020

ISSN 1983-392X

Denúncia

MPF/MG apura denúncia de discriminação racial em clipe de Alexandre Pires

Vídeo da música Kong traz mulheres de biquíni e homens vestidos de gorilas.

quarta-feira, 9 de maio de 2012

Um videoclipe musical do cantor Alexandre Pires causou polêmica e foi alvo de denúncia ao MPF/MG recentemente. A ação apura suposta discriminação racial e sexista no vídeo Kong, que traz mulheres de biquíni e homens vestidos de gorilas. No clipe, o jogador Neymar e o funkeiro Mr. Catra, que fazem participações especiais, também aparecem fantasiados.

Segundo reclamações levadas à Ouvidoria Nacional da Igualdade Racial, órgão da Presidência da República, o clipe utilizaria clichês e estereótipos contra a população negra e reforçaria estereótipos equivocados das mulheres como símbolo sexual.

De acordo com o MPF, os fatos estão sendo apurados e ainda não há posicionamentos do órgão sobre o objeto da investigação. No último dia 3, Alexandre Pires prestou esclarecimentos sobre o caso na sede do MPF em Uberlândia.

patrocínio

últimas quentes

-