terça-feira, 15 de junho de 2021

MIGALHAS QUENTES

  1. Home >
  2. Quentes >
  3. OAB repudia debate no STJ sobre proibição de leitura de memoriais em sustentação oral

Publicidade

Nota

OAB repudia debate no STJ sobre proibição de leitura de memoriais em sustentação oral

Ordem afirmou que "a defesa é ampla e compete exclusivamente ao advogado escolher a forma da sustentação, se de improviso ou recorrendo aos memoriais".

sexta-feira, 4 de dezembro de 2015

O pleno do STJ voltou a debater nesta quarta-feira, 2, uma alteração ao Regimento Interno da Corte que trata da sustentação oral por advogados na Corte, com objetivo de evitar a leitura de memoriais.

Após posicionamentos diversos dos ministros a respeito da questão, a OAB divulgou nota em seu site lamentando "que medida de tal natureza tenha sido levada ao exame do Tribunal" e reafirmando "que a defesa é ampla e compete exclusivamente ao advogado escolher a forma da sustentação, se de improviso ou recorrendo aos memoriais".

Confira a íntegra da nota divulgada no site.

_______________

OAB lamenta exame de medida restritiva aos advogados pelo STJ

A Diretoria do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil e o Colégio de Presidentes de Seccionais, diante da decisão proferida pelo Superior Tribunal de Justiça quando da votação de proposta de alteração do Regimento Interno do STJ visando a impedir a leitura de peças por advogados durante as sustentações orais vem, de público:

Lamentar que medida de tal natureza tenha sido levada ao exame do Tribunal;

Reafirmar que a defesa é ampla e compete exclusivamente ao advogado escolher a forma da sustentação, se de improviso ou recorrendo aos memoriais;

Repelir os termos ofensivos à jovem advocacia brasileira, ressaltando que entre os jovens advogados e os mais antigos o único traço de distinção é o número de inscrição;

Saudar os Ministros que, fazendo valer a amplitude do direito de defesa e o elenco das prerrogativas profissionais, impediram que prosperasse a emenda atentatória ao livre exercício da advocacia.

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 4/12/2015 15:47

LEIA MAIS