terça-feira, 30 de novembro de 2021

MIGALHAS QUENTES

fechar

Cadastre-se para receber o informativo gratuitamente

  1. Home >
  2. Quentes >
  3. Advogado público tem seis meses para realizar inscrição na OAB sem exame de Ordem
Regulamentação

Advogado público tem seis meses para realizar inscrição na OAB sem exame de Ordem

Provimento 167/15, que traz a previsão, foi publicado na última sexta-feira.

segunda-feira, 7 de dezembro de 2015

O Conselho Federal da OAB editou o provimento 167/15, que regulamenta a inscrição na entidade para os advogados públicos. Aprovada pelo Conselho Pleno da entidade, a norma foi publicada na última sexta-feira, 4, no DOU.

De acordo com o texto, ficam dispensados do exame de Ordem os profissionais aprovados em concurso público com participação da OAB, e que estejam há mais de cinco anos no cargo. Aqueles que se enquadrarem nestes requisitos têm seis meses para regularizar suas inscrições perante a Ordem, sob pena de decadência do direito.

  • Confira abaixo o texto na íntegra.

____________

ATO PROVIMENTO N. 167/2015

Altera o art. 6º do Provimento n. 144/2011, que "Dispõe sobre o Exame de Ordem", inserindo os seus §§ 1º, 2º e 3º.

O CONSELHO FEDERAL DA ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL, no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo art. 54, V, da Lei 8.906, de 04 de julho de 1994 - Estatuto da Advocacia e da OAB, e considerando o decidido nos autos da Proposição n. 49.0000.2015.007536-6/COP, RESOLVE:

Art. 1º O Provimento n. 144/2011, que "Dispõe sobre o Exame de Ordem", passa a vigorar com a seguinte redação:

"Art. 6º. ...

§ 1º Ficam dispensados do Exame de Ordem os postulantes oriundos da Magistratura e do Ministério Público e os bacharéis alcançados pelo art. 7º da Resolução n. 02/1994, da Diretoria do CFOAB.

§ 2º Ficam dispensados do Exame de Ordem, igualmente, os advogados públicos aprovados em concurso público de provas e títulos realizado com a efetiva participação da OAB, e que estejam há mais de 05 (cinco) anos no exercício da profissão.

§ 3º Os advogados enquadrados no § 2º do presente artigo terão o prazo de 06 (seis) meses, contados a partir da data da publicação do Provimento n. 167/2015-CFOAB, para regularização de suas inscrições perante a Ordem dos Advogados do Brasil, sob pena de decadência do direito."

Art. 2º Este Provimento entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário.

Brasília, 9 de novembro de 2015.

MARCUS VINICIUS FURTADO COÊLHO
Presidente

FELIPE SARMENTO CORDEIRO
Relator ad hoc

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 7/12/2015 08:08