Migalhas

Terça-feira, 25 de fevereiro de 2020

ISSN 1983-392X

Argentina implementa esquema para legalizar cerca de 750 mil imigrantes que trabalham no país sem os documentos apropriados

terça-feira, 18 de abril de 2006


Argentina implementa esquema para legalizar cerca de 750 mil imigrantes que trabalham no país sem os documentos apropriados


A Argentina implementou um esquema para legalizar o que se estima serem 750 mil imigrantes que trabalham no país sem os documentos apropriados


A maioria dos trabalhadores estrangeiros sem situação regularizada são de Paraguai e Bolívia, mas o plano vai beneficiar também imigrantes procedentes de Brasil, Uruguai, Venezuela, Bolívia, Chile e Peru.


A maioria dos ilegais está empregada nos setores de construção civil, serviços domésticos e fábricas ilegais de têxteis, em que as condições de trabalho já foram descritas como de "semi-escravidão".


Incêndio


O governo argentino antecipou o plano depois que um incêndio em uma fábrica de tecidos ilegal em Buenos Aires, no mês passado, matou seis bolivianos.


O incidente gerou protestos na comunidade de imigrantes.


Trabalhadores estrangeiros agora vão poder obter um certificado que lhes permita viver e trabalhar legalmente na Argentina.


O governo disse que espera que a medida acabe com a exploração de imigrantes.
___________

Fonte: BBC

patrocínio

últimas quentes

-