Migalhas

Domingo, 23 de fevereiro de 2020

ISSN 1983-392X

OAB avalia pedido de impeachment de Lula e Presidente da OAB/SP visita hoje o interior paulista

quarta-feira, 3 de maio de 2006


OAB avalia pedido de impeachment de Lula e Presidente da OAB/SP visita hoje o interior paulista


O presidente da OAB/SP, Luiz Flávio Borges D'Urso, visita Botucatu, São Manuel, Lençóis Paulista e Barra Bonita hoje, para cumprir uma agenda de encontros e palestras com os advogados da região.


Na próxima segunda-feira (8/5), a Ordem dos Advogados do Brasil examinará a proposta de impeachment do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. A entidade está preparando relatório sobre a crise institucional do governo federal e irá colocá-lo em discussão para, juridicamente, decidir sobre o pedido de impedimento do presidente.


O objetivo do relatório é analisar o envolvimento de Lula com os esquemas de corrupção denunciados até agora. O presidente sempre negou que soubesse das denúncias envolvendo membros de seu governo e da quebra ilegal do sigilo bancário do caseiro Francenildo Costa, que este na sede da OAB/SP e afirmou ter visto o ex-ministro Antonio Palocci na chamada " mansão do lobby" em Brasília. "Na reunião, o Conselho Federal da OAB vai examinar todos os elementos e deliberar se a entidade vai pedir ou não o impeachment do presidente", explica o presidente da OAB/SP, Luiz Flávio Borges D'Urso, lembrando que historicamente a OAB SP foi uma das entidades que entrou com o pedido de impeachment do então presidente Fernando Collor.


No próximo domingo (7/5), a OAB/SP realiza nova edição do Exame de Ordem - nº129, que traz duas novidades: a duração das provas, que passa a ser de cinco horas, eram quatro, e mudança no peso da peça profissional e questões práticas, que passam a valer cinco pontos cada parte. Antes a peça valia 6 pontos e as questões, 4. “O aumento da duração das provas vai permitir ao bacharel responder com mais segurança, podendo se deter por um período mais longo em cada questão. Pode ser considerada igualmente positiva a atribuição de igual peso para a peça profissional (5 pontos) e para as questões práticas (5 pontos), na segunda fase. Antes a peça tinha peso 6. A medida contribuirá para reduzir o grau de subjetividade sempre presente na avaliação dos examinadores”, explica D'Urso.


Em Bauru (que inclui Botucatu e Jaú), 841 bacharéis se inscreveram para o Exame 129 e em Araraquara, 273, de um total de 22.195 em todo o Estado. O último Exame de Ordem (128) aprovou apenas 11,42% dos inscritos, que corresponde a 3.128 candidatos. É o segundo pior resultado da história da prova, que este ano comemora 35 anos de implantação. O pior resultado foi registrado no Exame 126, no qual apenas 7,16% dos bacharéis foram aprovados. Em Bauru, se inscreveram 934 bacharéis, sendo a provados 60 no Exame 128. Em Araraquara, o número de inscritos foram 373, com 62 aprovados. No total, foram inscritos 28.322 bacharéis, 949 estiveram ausentes, mas também fizeram as provas 925 aprovados em releitura do Exame 127. Na primeira fase do Exame 128 o índice de aprovação foi de 19,2%.


LOCAIS E HORÁRIOS DAS VISITAS

  • 3/5

Botucatu - Casa do Advogado - Praça XV de Novembro 30 - 10h30


São Manuel - Casa do Advogado - Av. Irmãos Cintra, 1174 -13h


Lençóis Paulista - Câmara Municipal - Praça das Palmeiras, 55 - 15h30


Barra Bonita - Casa do Advogado - Rua 14 de Dezembro, 451- 17h30

  • 4/5

Jaú - Casa do Advogado - Av. Rodolpho Magnani, 295 - 10h


Bariri - Câmara Municipal - Rua Francisco Munhoz Cegarra, 126 -13h


Ibitinga - Casa do Advogado - Rua Tiradentes, 232 - 15h


Araraquara - Reinauguração da Casa do Advogado - Rua Voluntários da Pátria, 1907 - 20h
____________

patrocínio

últimas quentes

-