quarta-feira, 14 de abril de 2021

MIGALHAS QUENTES

Publicidade

Impeachment

Plenário virtual do STF decidirá interrupção de impeachment de Witzel

Witzel foi denunciado por corrupção e lavagem e afastado do cargo por decisão do STJ.

terça-feira, 27 de outubro de 2020

O ministro do STF Alexandre de Moraes enviou para o plenário virtual pedido da defesa do governador afastado do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, para tentar paralisar o processo de impeachment que tramita na Alerj - Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro.

O julgamento terá inicio no dia 6 de novembro.

(Imagem: STF)

Ministro do STF Alexandre de Moraes.(Imagem: STF)

Em agosto, o ministro Alexandre de Moraes, do STF, julgou improcedente reclamação do governador do RJ Wilson Witzel que questionava atos da Alerj concernentes ao seu processo de impeachment. Witzel foi denunciado por corrupção e lavagem e afastado do cargo por decisão do STJ.

O governador alegava irregularidades na formação da Comissão Especial da Casa legislativa, quais sejam, desrespeito à regra da proporcionalidade partidária e o fato de que foi instituída por simples indicação de líderes partidários.

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 27/10/2020 18:16

LEIA MAIS