quarta-feira, 21 de abril de 2021

MIGALHAS QUENTES

Publicidade

Advocacia

Movimento de Defesa da Advocacia apoia advogado que abandonou sessão após críticas ao seu cliente

Segundo o MDA, o advogado atuou com total legitimidade na garantia de um julgamento justo.

segunda-feira, 9 de novembro de 2020

O MDA - Movimento de Defesa da Advocacia publicou um desagravo público em favor de advogado que abandonou sessão virtual após seu cliente ser criticado pelos desembargadores Maurício Valala, Ely Amioka, Sérgio Antonio Ribas e Marco Antônio Pinheiro Machado Cogan, do TJ/SP.

(Imagem: Freepik)

(Imagem: Freepik)

Segundo a nota, o advogado aguardava o reinício da sessão de julgamento perante a 8ª câmara Criminal, na qual realizaria sustentação oral em defesa de seu cliente. Momentos antes do início, teria presenciado a desembargadora Ely Amioka, relatora, comentando que o paciente já teria sido internado por roubo, a ele se referindo em tom jocoso como "santo".

O desembargador Maurício Valala, na mesma oportunidade e também em tom jocoso, teria afirmado que o paciente deveria ser beatificado e canonizado, com o que concordou a desembargadora Ely, diante de risos dos demais integrantes da câmara.

Ao serem alertados de que os advogados estavam presentes, os magistrados interromperam as conversas.

O advogado disse então que deixaria a sessão, por ter presenciado comentários sobre fatos pretéritos do seu cliente e "fazendo um evidente pré-julgamento de valor".

Publicidade

De acordo com o documento, o desembargador Sérgio Antonio Ribas teria justificado o fato por serem comentários extra autos e não estarem gravados.

Segundo o desagravo do MDA, o advogado atuou com total legitimidade na garantia de um julgamento justo ao seu cliente e agiu com respeito perante os magistrados presentes, "embora a ele fosse indevidamente imputada a conduta de desrespeitosa e indelicada".

Por isso, o Movimento requereu que seja designada sessão pública de desagravo.

_______

t

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 9/11/2020 09:18

LEIA MAIS