sábado, 6 de março de 2021

MIGALHAS QUENTES

Publicidade

Seis lustros

Roberto Parentoni e Advogados completa 30 anos

Em conversa com o Migalhas, o fundador relembrou com emoção seu primeiro tribunal do júri (dos mais de 350 realizados) e os sucessores revelaram ainda porque a segunda geração de advogados da família dará sequência à luta por um julgamento justo e igualitário a quem quer que seja. Conheça a história desses seis lustros de advocacia.

terça-feira, 23 de fevereiro de 2021

Fundado em 1991 no interior de São Paulo por Roberto Bartolomei Parentoni, o escritório Roberto Parentoni e Advogados é um dos mais tradicionais e reconhecidos escritórios de advocacia criminal do Brasil e conta com profissionais aguerridos que atuam exclusivamente na área Penal em todas as esferas e instâncias de defesa do acusado ou a favor da vítima, de maneira Consultiva, Preventiva e Contenciosa. Opera também na fase de investigação, seja Administrativa, de Inquérito Policial ou de Comissão Parlamentar de Inquérito. 

Em conversa com o Migalhas, o fundador relembrou com emoção seu primeiro tribunal do júri (dos mais de 350 realizados) e os sucessores revelaram ainda porque a segunda geração de advogados da família dará sequência à luta por um julgamento justo e igualitário a quem quer que seja. Conheça a história desses seis lustros de advocacia.

Presente na capital paulista desde 1998, está situado no emblemático edifício Itália, no coração de São Paulo. Um espaço elegante, clássico e aconchegante, dado à essência da Advocacia Criminal, que é artesanal e personalíssima.  Uma verdadeira Boutique Criminal.

Com o lema "na prática a teoria é outra, tem como missão defender com excelência os direitos e garantias legais de todos os clientes, sejam eles pessoa física, empresas ou órgãos governamentais, oferecendo atendimento individual, com qualidade, respeito e atenção as suas necessidades.

O fundador Roberto Parentoni é professor de pós-graduação e da ESA da OAB/SP, onde ministra curso sobre Tribunal do Júri. Profere palestras pelo país falando sobre Direito, Processo Penal, Prática Penal e prerrogativas profissionais, além de outros temas sempre relacionados à área Penal e Processual Penal. É um dos fundadores do IBRADD - Instituto Brasileiro do Direito de Defesa. É autor dos livros jurídicos "Prática da Advocacia Criminal" (2007), "Alterações no Processo Penal" (2008) e "Advocacia Criminal: A Arte de Defender" (2017) e "Advocacia Criminal: A Arte de Defender - 2ª edição" (2019). Tem no prelo: "A Defesa no Plenário do Júri", "Execução Penal na Prática" e uma obra em DVD, com o título "Prática da Advocacia Criminal - Box 5 volumes".

t

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 23/2/2021 16:15