segunda-feira, 20 de setembro de 2021

MIGALHAS QUENTES

fechar

Cadastre-se para receber o informativo gratuitamente

  1. Home >
  2. Quentes >
  3. MPF recorre de decisão que anulou quebra de sigilo de Flavio Bolsonaro
Rachadinha

MPF recorre de decisão que anulou quebra de sigilo de Flavio Bolsonaro

Os autos foram remetidos para a coordenadoria de processamento de recursos para o STF.

segunda-feira, 15 de março de 2021

(Imagem: Leopoldo Silva/Agência Senado)

(Imagem: Leopoldo Silva/Agência Senado)

O MPF recorreu da decisão do STJ que anulou a quebra de sigilo do senador Flavio Bolsonaro, investigado no caso das "rachadinhas". O parquet protocolou o recurso extraordinário no domingo, 14, e os autos foram remetidos para a coordenadoria de processamento de recursos para o STF.

(Imagem: Reprodução)

(Imagem: Reprodução)

No final de fevereiro, a 5ª turma do STJ anulou a quebra de sigilo fiscal e bancário do parlamentar, seguindo voto do ministro João Otávio de Noronha, que considerou que as decisões que determinaram a quebra de sigilo não foram adequadamente fundamentadas. Ficou vencido o relator, ministro Felix Fisher.

O parlamentar é investigado em inquérito que apura suposto desvio de dinheiro em seu antigo gabinete na Alerj - Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro, o qual teria ocorrido a partir de arrecadação ilícita de parte dos salários de seus servidores.

Ao STJ, a defesa de Flávio Bolsonaro alegou que houve irregularidades na quebra de sigilo bancário autorizada pela 27ª vara Criminal do TJ/RJ e questionou o compartilhamento de dados entre o MP e o Coaf.

No voto divergente, ministro Noronha enfatizou que o Coaf "não é órgão de investigação, muito menos de produção de prova". "Tem de fazer o relatório de investigação e mandar, e não pode ser utilizado como auxiliar do Ministério Público em termos de investigação", completou.

Os ministros Reynaldo da Fonseca, Ribeiro Dantas e Joel Ilan Paciornik seguiram o mesmo entendimento de Noronha pela anulação das quebras de sigilo.

O processo está sob sigilo.

  • Processos: RHC 125.461, RHC 125.463, RHC 135.206 e HC 594.360

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 15/3/2021 14:22