terça-feira, 19 de outubro de 2021

MIGALHAS QUENTES

fechar

Cadastre-se para receber o informativo gratuitamente

  1. Home >
  2. Quentes >
  3. Voto impresso vai cair? Partidos querem fim da proposta bolsonarista
Eleições auditáveis

Voto impresso vai cair? Partidos querem fim da proposta bolsonarista

Parlamentares alteram membros da comissão que analisa a PEC para derrubar bandeira do presidente.

quinta-feira, 8 de julho de 2021

A PEC do voto impresso pode estar com os dias contados. Os jornais têm mostrado uma movimentação entre partidos e parlamentares a fim de esfriar a pretensão conduzida pelo presidente Jair Bolsonaro. Dirigentes de 11 partidos adversários das PEC deflagraram o processo de substituição de integrantes na comissão para fazer maioria e derrubar a proposta.

Na segunda-feira, 5, a PEC 135/19 quase saiu de pauta depois de um requerimento, mas o relator decidiu manter a discussão.

Fato é que a PEC está em tramitação na Câmara, e a urna eletrônica, usada há 25 anos e sem histórico de fraudes, está agora posta em xeque. Diante das acusações, o TSE passou a se movimentar, e o ministro Barroso, presidente da Corte Eleitoral, tem trabalhado de forma incansável para mostrar o funcionamento e a segurança do atual sistema.

Outros atores do mundo político também se manifestaram recentemente sobre o tema.

Retrocesso

Quando esteve na Câmara, Barroso afirmou que, se aprovado, o sistema deverá ser adotado pelo TSE, mas, em sua opinião, a medida representa "retrocesso". "Vai piorar. Vai ficar bem pior. Aliás, a vida vai ficar parecida com o que era antes."

O ministro reforçou o que já tinha dito em declarações anteriores: que o sistema de votos eletrônicos utilizado no Brasil é totalmente confiável e auditável, e que o voto impresso criará risco imenso de judicialização das eleições. 

A questão da judicialização das eleições é, de fato, uma grande preocupação. Isto porque o poder, que é do povo, pode parar nas mãos de juízes.

Sobre isso, nunca é demais lembrar, os TREs possuem integrantes que são escolhidos justamente pelo presidente da República.

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 8/7/2021 10:55