segunda-feira, 29 de novembro de 2021

MIGALHAS QUENTES

fechar

Cadastre-se para receber o informativo gratuitamente

  1. Home >
  2. Quentes >
  3. Manesco assessora JHSF na aquisição da Usina São Paulo
Controle societário

Manesco assessora JHSF na aquisição da Usina São Paulo

A Usina vai passar por uma revitalização total, com implementação de espaços de uso público.

quarta-feira, 3 de novembro de 2021

As empresas do Grupo JHSF acabam de concluir a operação de aquisição da participação acionária de 67% da Usina São Paulo SPE S.A.O projeto, voltado a projetos de alta renda, inclui não só a Usina, como também a Empresa Metropolitana de Águas e Energia S.A. (EMAE), que celebraram o contrato de concessão para revitalização da Usina Elevatória de São Paulo (antiga Usina de Traição).

De acordo com o projeto objeto da concessão, a Usina, que foi inaugurada em 1940, vai passar por uma revitalização total, com implementação de espaços de uso público. O complexo, que promete ser inovador, o que inclui um conjunto de empreendimentos imobiliários comerciais gastronomia, museus, lazer a céu aberto (ciclovias), rooftop, lojas, entre outros, visa a se tornar um novo ponto turístico e cartão postal da cidade de São Paulo.

O iniciativa, que contou com a operação de aquisição de participação societária da concessionária assessorada por Nicole Katarivas, Camila Teixeira Fortes, Carla Siécola e Raquel Lambloglia Guimarães, integrantes da área empresarial da banca Manesco, Ramires, Perez, Azevedo Marques Sociedade de Advogados, e lideradas pelo sócio-fundador Eduardo Ramires, também teve a aprovação sem restrições pelo CADE, autoridade antitruste brasileira, conduzida pela banca e liderada pela head da área, Flávia Chiquito dos Santos, garantiu ao Grupo a concessão de direito de uso da área delimitada para exploração de atividades comerciais, recuperação ambiental do Rio Pinheiros, revitalização dos entornos da Usina Elevatória de Traição e a requalificação da fachada do prédio para posterior exploração comercial da área.

(Imagem: Divulgação)

Eduardo Ramires(Imagem: Divulgação)

O projeto faz parte do programa de despoluição do Rio Pinheiros e abrangerá a recuperação da fachada da Usina, implantação de decks, lanchonetes e quiosques nas áreas em torno da Usina, incluindo restaurante e mirante na cobertura. O projeto também prevê a implantação de acesso de veículos da Avenida Marginal Pinheiros para o empreendimento, implantação de estacionamento e bicicletário.

t

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 3/11/2021 15:31