quinta-feira, 2 de dezembro de 2021

MIGALHAS QUENTES

fechar

Cadastre-se para receber o informativo gratuitamente

  1. Home >
  2. Quentes >
  3. BC desenvolve estudos para garantir acessibilidade em sites de bancos

BC desenvolve estudos para garantir acessibilidade em sites de bancos

X

quinta-feira, 1 de março de 2007


Progresso

BC desenvolve estudos para garantir acessibilidade em sites de bancos

O BC acatou recomendação do MPF/SP e tomará providências para que as páginas de internet dos bancos sejam acessíveis para deficientes visuais. A solicitação, da procuradora da República Eugênia Augusta Gonzaga Fávero, emitida em 27 de dezembro de 2006, foi encaminhada à área de Normas e Organização do Sistema Financeiro do Banco Central.

O presidente do BC, Henrique Meirelles, manifestou-se sobre o pedido do MPF no último dia 2 de janeiro, em resposta enviada ao procurador-geral da República, Antonio Fernando Souza. O MPF/SP recebeu a informação esta semana e se manterá informado sobre as próximas providências adotadas pelo BC.

Na recomendação, o MPF/SP pediu que o Banco Central promova os estudos necessários, inclusive os relativos à tecnologia da informação, para assegurar a acessibilidade às pessoas com deficiência visual a todas as informações e serviços constantes nas páginas eletrônicas dos bancos.

A recomendação foi feita após o MPF receber a informação de que a página do Banco Real estaria indisponível às pessoas com deficiência visual, e também após constatar que esse não é um problema relacionado a um banco específico, mas a toda a rede bancária, daí a necessidade de atuação do Banco Central.

De acordo com a Lei nº 10.098/00 (clique aqui), é dever do Poder Público garantir a eliminação de barreiras na comunicação e o acesso à informação dos sistemas de comunicação e sinalização a quem tem algum tipo de deficiência sensorial, que tem "igualdade de tratamento e oportunidade, justiça social, respeito à dignidade e bem-estar" garantidos pela Lei nº 7.853/89 (clique aqui).

Além disso, os usuários dos serviços prestados pelos bancos são consumidores e têm o direito de exigir o cumprimento do serviço com qualidade, adequação, presteza a segurança, e também o direito ao recebimento de informações claras, corretas e adequadas sobre os serviços utilizados. Os bancos que não adaptarem suas páginas de internet ao acesso de pessoas com deficiência visual estarão também lesando seus direitos de consumidor.

__________

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 1/3/2007 08:14