MIGALHAS QUENTES

  1. Home >
  2. Quentes >
  3. Migalhas Quentes >
  4. Advogado mais longevo do país, Villemor Amaral completa 103 anos
Na ativa

Advogado mais longevo do país, Villemor Amaral completa 103 anos

Adaptado à tecnologia e em atividade há 80 anos, o advogado Hermano de Villemor Amaral Filho, completa hoje 103 anos.

Da Redação

terça-feira, 11 de julho de 2023

Atualizado às 14:43

Em atividade há 80 anos, o advogado Hermano de Villemor Amaral Filho, OAB 3099-RJ, completa 103 anos nesta terça-feira (11/7/23). Considerado o mais longevo advogado brasileiro em atividade, segue trabalhando em processos e aconselhando o Villemor Amaral Advogados, escritório fundado pelo pai em 1909 e que hoje reúne mais de 300 advogados, 70% mulheres. Adaptado aos computadores e às atualizações da legislação, o especialista em Direito Comercial segue avesso ao excesso de exposição pública, mas na véspera do aniversário, conta alguns segredos do sucesso na longa carreira: inovação, rigor ético e muito respeito ao Judiciário.

Hermano de Villemor Amaral Filho completa 103 anos. (Imagem: Divulgação Villemor Amaral Advogados)

Hermano de Villemor Amaral Filho completa 103 anos.(Imagem: Divulgação Villemor Amaral Advogados)

"Eu trabalho com computadores há duas décadas, mas sigo sendo um aprendiz. No começo, eu era um fanático: aderi à modernidade. O computador facilitou a vida de todo mundo. Principalmente a do advogado, pela capacidade de reunir informação", afirma. Ele explica que além das revistas especializadas, busca sempre se atualizar nos sites jurídicos e relatórios online: "A legislação muda constantemente, é uma grande necessidade a atualização".

Villemor Filho conta que já foi considerado "muito moderno" porque datilografava com agilidade as ações com papel-carbono no escritório fundado pelo pai, Hermano de Villemor Amaral, no Rio de Janeiro. É que, em 1909, quando o pai fundou o escritório, como uma das primeiras sociedades de advocacia, se usava tinta e mata-borrão. As ações eram escritas à mão. "Na verdade, minha caligrafia é tão ruim que nem eu entendo o que escrevo. Então, quando surgiu a máquina, eu tinha que me tornar um exímio datilógrafo", brinca, para explicar que seguiu rápido na novidade da digitação e na capacidade de atualização em tempo real das informações pelos computadores.

"Levar a profissão a sério"

O advogado centenário explica que além de estimular a inovação no escritório, seguiu à risca a tradição do pai, adotando os antigos valores que davam credibilidade aos advogados. "A profissão do advogado é muito exigente em matéria de ética. Os advogados importantes seguem os conselhos em vigor. Eu quero ser sempre lembrado como um colega ético".

Villemor Filho conta que imprime em suas orientações a necessidade de cumprimento do Código de Ética da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) e ensina que "os grandes da profissão" sempre seguem esses valores. Quando assumiu o escritório do pai, ele criou um slogan: "Honestidade, zelo e competência". "A profissão do advogado é muito exigente em matéria de ética. O segredo que eu tento sempre ensinar aos advogados é a ética e o respeito ao Judiciário. É preciso sempre acreditar na imparcialidade do Judiciário", afirma.

Às vésperas de completar 103 anos, ele tenta explicar tanta longevidade: "Há um livro sobre o nosso escritório cujo título é "Continuamos..." , com a história de três gerações, baseada na ética. A minha vida foi, toda ela, dedicada ao trabalho profissional. Hoje, espontaneamente, eu sigo trabalhando. Eu me ofereço inclusive a trabalhar com os estagiários, transmitindo o que há de bom no exercício da profissão. O meu conselho é: "Levar a profissão a sério, não vacilar."

Equidade de gênero

O filho de Villemor Filho, Hermano de Villemor Amaral Neto, modernizou e ampliou o escritório, hoje com mais de 300 advogados, mas manteve o legado e a constante busca pela inovação. Uma das preocupações do pai, segundo explica, sempre foi a equidade de gênero na advocacia. Hoje, após 114 anos de sua fundação, o escritório tem 70% de mulheres em seu corpo jurídico. "Um dos orgulhos do meu pai é o incentivo à equidade de gênero. Nós seguimos sempre nos atualizando, enquanto mantemos o princípio basilar do meu pai, com o apoio dos sócios. Ele segue ativo, e até antes da pandemia ia ao escritório regularmente. Agora vai menos, mas segue acompanhando nossos passos", disse Hermano Neto.

Villemor Amaral Advogados

 

Patrocínio

Patrocínio Migalhas