sexta-feira, 18 de setembro de 2020

MIGALHAS QUENTES

Ministério do Trabalho e Emprego lança cartilha Brasileiras e Brasileiros no exterior

O ministro do Trabalho e Emprego, Carlos Lupi, lançou hoje a cartilha ´Brasileiras e Brasileiros no exterior´ e afirmou que pretende inaugurar ainda este ano casas do trabalhador brasileiro em cinco países. "Essa casa do trabalhador é o meu sonho. Ela vai dar assistência comunitária, sobre legislação trabalhista e previdenciária. Vai permitir ainda ao brasileiro que se qualifique profissionalmente e tenha um espaço onde quer que ele esteja no mundo", disse o ministro.


Lançamento

Ministro lança cartilha 'Brasileiras e Brasileiros no Exterior'

O ministro do Trabalho e Emprego, Carlos Lupi, lançou hoje a cartilha 'Brasileiras e Brasileiros no exterior' e afirmou que pretende inaugurar ainda este ano casas do trabalhador brasileiro em cinco países. "Essa casa do trabalhador é o meu sonho. Ela vai dar assistência comunitária, sobre legislação trabalhista e previdenciária. Vai permitir ainda ao brasileiro que se qualifique profissionalmente e tenha um espaço onde quer que ele esteja no mundo", disse o ministro.

Segundo Carlos Lupi, as negociações com os governos da Itália e de Portugal para a implantação das casas estão bem avançadas. "Esses convênios contemplam a instituição, por exemplo, de uma casa do trabalhador brasileiro na Itália e uma casa do trabalhador italiano no Brasil", explicou. O ministro esclareceu ainda que a idéia é complementar o auxílio já prestado pelas embaixadas e consulados do país aos brasileiros residentes no exterior.

A cartilha

A publicação "Brasileiras e Brasileiros no Exterior, Informações Úteis" tem tiragem inicial de 100 mil exemplares e presta um serviço de esclarecimento de deveres, direitos e riscos dos brasileiros ao emigrarem para outros países. "Estima-se que hoje existam quatro milhões de brasileiros vivendo no exterior. Somos um país de emigração e isso revela a necessidade de termos instituições preparadas para lidar com esse fenômeno", afirmou o coordenador geral de Imigração do MTE, Paulo Sérgio de Almeida.

A partir de hoje, a cartilha está sendo distribuida - gratuitamente - no aeroporto de Brasília e, já na semana que vem, começa a ser entregue a embaixadas, consulados postos da Polícia Federal e associações de todo o país. A cartilha também está disponível no site do MTE (clique aqui).

Emprego no Brasil

As informações devem ajudar o brasileiro a não passar qualquer tipo de aperto fora do país. "Não posso afirmar que essa iniciativa vai diminuir o número de deportações de brasileiros. Mas acho que o que diminui a emigração é a abertura de novas oportunidades de emprego no Brasil. O país está com forte demanda interna e gerando números recordes de emprego", destaca o ministro Carlos Lupi.

Participaram da solenidade de lançamento do informe a presidente do Instituto Migrações e Direitos Humanos, irmã Rosita Milese; a representante da OIT, Beatriz Cunha; o subsecretário das Comunidades Brasileiras no Exterior, embaixador Oto Agripino Maia, e representantes do Ministério da Previdência e da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República.

______________________

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 1/1/1900 12:00

Compartilhar