quinta-feira, 27 de janeiro de 2022

TUDO SOBRE

  1. Home >
  2. Tudo sobre > Jucimar Novochadlo

O que saiu em Migalhas sobre Jucimar Novochadlo

facebooktwitterlinkedinwhatsapp
Migalhas Quentes Empresa consegue suspensão de protestos por 30 dias em razão da pandemia
segunda-feira, 27 de abril de 2020

Empresa consegue suspensão de protestos por 30 dias em razão da pandemia

No entendimento do magistrado, a impossibilidade de cumprimento das obrigações contratuais não decorre de ato voluntário ou culposo do devedor.

... liminar é do desembargador Jucimar Novochadlo, da 15ª câmara Cível do TJ/PR, em composição reduzida.  A empresa sustenta, em síntese, que recebeu notificações encaminhadas por vários tabelionatos de protestos de títulos de Curitiba, estipulando...
Migalhas Amanhecidas MIGALHAS nº 4.839
segunda-feira, 27 de abril de 2020

MIGALHAS nº 4.839

Informações jurídicas de segunda-feira, 27 de abril de 2020.

... liminar é do desembargador Jucimar Novochadlo, da 15ª câmara Cível do TJ/PR, em composição reduzida. (Clique aqui)Auxílio emergencial penhorado Pai terá 40% do "auxílio emergencial" penhorado para pagamento de pensão alimentícia. Assim determinou em...
Coronavírus Empresa consegue suspensão de protestos por 30 dias
segunda-feira, 27 de abril de 2020

Empresa consegue suspensão de protestos por 30 dias

Uma distribuidora de papéis e livros conseguiu, em sede de agravo de instrumento, a suspensão de protestos por 30 dias, em razão da pandemia causada pelo coronavírus. A liminar é do desembargador Jucimar Novochadlo, da 7ª vara Cível de Cu...

... liminar é do desembargador Jucimar Novochadlo, da 7ª vara Cível de Curitiba/PR. Leia aqui.
Migalhas Quentes Mulher que teve nome negativado indevidamente consegue majoração de dano moral
quarta-feira, 17 de outubro de 2018

Mulher que teve nome negativado indevidamente consegue majoração de dano moral

Para TJ/PR, valor de R$ 1 mil se mostrou ínfimo. Colegiado aumentou a indenização para R$ 10 mil.

...acordo com o desembargador Jucimar Novochadlo, relator, a existência de dívida em nome da parte autora sequer está comprovada e não há provas da notificação da devedora acerca de eventual cessão de crédito. Sobre o valor...