O que saiu em Migalhas sobre Ronaldo Cunha Lima
Migalhas

O que saiu em Migalhas sobre Ronaldo Cunha Lima

Veja o que saiu no Migalhas sobre Ronaldo Cunha Lima
/quentes
segunda-feira, 18/1/2021

Site Migalhas é citado na prova do Enem deste domingo

A menção ao Migalhas se deu a partir de uma reportagem, de 2004, que narrou a história de um habeas corpus feito em versos pelo ex-governador da Paraíba, Ronaldo Cunha Lima.

... poeta, político e jurista Ronaldo Cunha Lima.  Os versos teriam sido compostos em 1955, em Campina Grande, quando um grupo de boêmios que fazia uma serenata teve seu violão apreendido. Espirituoso, Cunha Lima peticiou ao juiz um habeas corpus em versos,...
Site Migalhas é citado na prova do Enem deste domingo
/amanhecidas
segunda-feira, 18/1/2021

MIGALHAS nº 5.020

Informações jurídicas de segunda-feira, 18 de janeiro de 2021.

... ex-governador da Paraíba, Ronaldo Cunha Lima. (Clique aqui) Revelando a fonte Ah, mas como os migalheiros têm notícias privilegiadas, é bem o momento de contar como foi que os versos citados no Enem vieram parar na nossa página. Ah, meus amigos,...
MIGALHAS nº 5.020
/coluna/porandubas-politicas
quinta-feira, 30/1/2020

Porandubas nº 653

O Estado de MG, segundo Gaudêncio Torquato, anda pagando um preço alto demais por um pecado que não se sabe qual.

...a assessoria informal a Ronaldo Cunha Lima e a seu filho Cássio, prestes a ganhar o mandato de senador. Quando Zeca abria a boca, a galera caía na risada. Certa vez, numa de suas internações na clínica Santa Clara, em Campina Grande, a enfermeira foi...
Porandubas nº 653
/coluna/porandubas-politicas
quarta-feira, 14/11/2018

Porandubas nº 598

Os primeiros movimentos de Bolsonaro no tabuleiro do poder mostram alguns acertos e recuos.

...um táxi em Brasília para ir à casa de Ronaldo Cunha Lima. Em frente à casa do poeta, o taxista cobrou R$ 15. Zeca só tinha R$ 10. Sem acordo, disparou: - Então, amigo, dê cinco reais de ré!
Porandubas nº 598
/depeso
segunda-feira, 4/12/2017

Celebração do dia do advogado criminalista

É um dia de celebração, união e resistência.

...crime. Como diria o poeta Ronaldo Cunha Lima, "o crime a ele nunca se mistura, inexiste entre ambos afinidades! É próprio do direito de defesa defender os interesses do acusado e, como nos ensinou o maior expoente da...
Celebração do dia do advogado criminalista
/coluna/porandubas-politicas
quarta-feira, 1/11/2017

Porandubas nº 552

A partir da possibilidade de Lula vir a se candidatar, tudo gira em torno de uma grande interrogação.

...Academia Norte-Rio-Grandense de Letras em seu livro sobre "Ronaldo Cunha Lima, um nordestino de todo canto". O nome é Glauce Quando lhes nasceu a filha, a princesa da casa, "A doce paz que me aquieta" foi sugerido o belo...
Porandubas nº 552
/coluna/porandubas-politicas
quarta-feira, 6/9/2017

Porandubas nº 545

Os fatos da investigação que ameaça anular a delação da JBS.

...um táxi em Brasília para ir à casa de Ronaldo Cunha Lima. Em frente à casa do poeta, o taxista cobrou R$ 15. Zeca só tinha R$ 10. Sem acordo, disparou: - Então, amigo, dê cinco reais de ré! O bambu flexível O...
Porandubas nº 545
/quentes
terça-feira, 7/7/2015

Advogado peticiona em versos e juiz decide em prosa e poesia

Causídico contestou ação de exceção de competência ajuizada por uma seguradora contra seu cliente.

...inspirou no habeas corpus de Ronaldo Cunha Lima, poeta e ex-senador, enviado a um juiz em versos. Ele também revelou que a intenção foi valorizar a língua portuguesa e suas formas literárias, sem deixar de seguir as...
Advogado peticiona em versos e juiz decide em prosa e poesia
/coluna/porandubas-politicas
quarta-feira, 12/3/2014

Porandubas nº 389

O PT inaugura a campanha com a foto de Dilma com Lula, dando-se as mãos em torno de uma mesa no Palácio da Alvorada.

...Maranhão, Humberto Lucena e Ronaldo Cunha Lima se movimentavam para definir a eleição a partir no Sertão. Estavam todos na casa de um velho líder político em Cajazeiras, quando chegou um antigo correligionário de Humberto,...
Porandubas nº 389
/coluna/porandubas-politicas
quarta-feira, 5/2/2014

Porandubas nº 386

Dilma deve concluir as nomeações equilibrando o poder entre os partidos, apesar da maior fatia ficar com o PT.

...um táxi em Brasília para ir à casa de Ronaldo Cunha Lima. Em frente à casa do poeta, o taxista cobrou R$ 15. Zeca só tinha R$ 10. Sem acordo, disparou : - Então, amigo, dê cinco reais de ré ! Em João Pessoa, num...
Porandubas nº 386
/coluna/porandubas-politicas
quarta-feira, 4/5/2011

Porandubas nº 272

Zeca I Abro a coluna com Zeca Boca de Bacia, que fazia a alegria do povo em Campina Grande/PB. Personagem folclórico, amigos de políticos. Dava assessoria informal a Ronaldo Cunha Lima e a seu filho Cássio, prestes a ganhar o mandato de s...

...um táxi em Brasília para ir à casa de Ronaldo Cunha Lima. Em frente à casa do poeta, o taxista cobrou R$ 15. Zeca só tinha R$ 10. Sem acordo, disparou : - Então, amigo, dê cinco reais de ré ! DEM no ralo O DEM está...
Porandubas nº 272
/depeso
segunda-feira, 29/11/2010

STF, foro privilegiado e violação da igualdade

O foro privilegiado (nos crimes comuns) tem que acabar para todos, visto que incompatível com o estado republicano ("todos são iguais perante a lei"). Enquanto existe, no entanto, deve ser regido por regras que garantam o mínimo de igualdad...

...explicações para a mudança de critério. Ronaldo Cunha Lima foi tratado de forma totalmente distinta de Natan Donadon. Ambos devem ser condenados, de acordo com o devido processo, pelo que fizeram. Sobre isso não há o que...
STF, foro privilegiado e violação da igualdade
/quentes
sexta-feira, 29/10/2010

Renúncia de deputado na véspera de julgamento não tira a competência do STF para julgá-lo

Mesmo com a renúncia do mandato, o Plenário do STF julgou por 8 votos a 1 procedente a AP 396 contra o ex-deputado Natan Donadon (PMDB/RO) condenando-o pelos crimes de formação de quadrilha e peculato.

...quando ele concluiu que o ex-deputado Ronaldo Cunha Lima deveria ser julgado por um Tribunal do Júri da Paraíba. Ao também acompanhar o voto do relator, lembrando que há previsão constitucional para casos como a AP 396, o...
Renúncia de deputado na véspera de julgamento não tira a competência do STF para julgá-lo
/quentes
sexta-feira, 8/1/2010

Câmara Criminal do TJ/PB acata recurso de Ronaldo Cunha Lima e nova sentença deve ser prolatada

A Câmara Criminal do TJ/PB acolheu o Recurso em Sentido Estrito interposto pela defesa de Ronaldo José da Cunha Lima. Com a decisão unânime do órgão fracionário, Cunha Lima não irá a Júri Popular devido a necessidade de uma nova sentença. A...

A Câmara Criminal do TJ/PB acolheu o Recurso em Sentido Estrito interposto pela defesa de Ronaldo José da Cunha Lima. Com a decisão unânime do órgão fracionário, Cunha Lima não irá a Júri Popular devido a necessidade de uma nova sentença. A...
Câmara Criminal do TJ/PB acata recurso de Ronaldo Cunha Lima e nova sentença deve ser prolatada
/amanhecidas
sexta-feira, 8/1/2010

MIGALHAS nº 2.302

Sexta-feira, 8 de janeiro de 2010 - Migalhas nº 2.302 - Fechamento às 10h39.   "O homem propõe uma coisa e o destino outra." Publio Siro Meta 2 O CNJ estima que a Meta 2, que pretendia julgar todos os processos distribuíd...

MIGALHAS nº 2.302
MIGALHAS nº 2.302
/depeso
terça-feira, 24/3/2009

172 ações penais no STF: nenhuma condenação

Inúmeros estudos criminológicos vêm demonstrando que a seletividade, a corrupção institucional, a reprodução da violência e a morosidade “não são características conjunturais, senão estruturais do exercício do poder de todos os sistemas pen...

Inúmeros estudos criminológicos vêm demonstrando que a seletividade, a corrupção institucional, a reprodução da violência e a morosidade “não são características conjunturais, senão estruturais do exercício do poder de todos os sistemas pen...
172 ações penais no STF: nenhuma condenação
/quentes
quinta-feira, 18/12/2008

Plenário reforça determinação de saída imediata de Walter Brito Neto do cargo

O Plenário do STF reforçou, ontem, 17/12, por maioria, a decisão tomada ontem pela Segunda Turma da Corte, que determinou o imediato cumprimento, independentemente de publicação de acórdão, da decisão do TSE que, em março deste ano, cassou ...

O Plenário do STF reforçou, ontem, 17/12, por maioria, a decisão tomada ontem pela Segunda Turma da Corte, que determinou o imediato cumprimento, independentemente de publicação de acórdão, da decisão do TSE que, em março deste ano, cassou ...
Plenário reforça determinação de saída imediata de Walter Brito Neto do cargo
/depeso
terça-feira, 19/8/2008

A infindável batalha contra a má política

A decisão do Supremo Tribunal Federal que permite a participação dos chamados candidatos fichas-sujas nas eleições foi contra as expectativas da maioria do eleitorado, conforme mostram as enquetes dos sites de alguns jornais.

A infindável batalha contra a má política Luiz Leitão da Cunha* A decisão do STF que permite a participação dos chamados candidatos fichas-sujas nas eleições foi contra as expectativas da maioria do eleitorado, conforme mostram as e...
A infindável batalha contra a má política
/amanhecidas
terça-feira, 6/5/2008

MIGALHAS nº 1.891

Terça-feira, 6 de maio de 2008 - Migalhas nº 1.891 - Fechamento às 11h. "Devemos tudo esperar e tudo temer do tempo e dos homens." Vauvenargues Correios Em Migalhas 1.788, de 28/11/07, dizíamos que a MP 403 prorrogava por 18 ...

MIGALHAS nº 1.891
MIGALHAS nº 1.891
/quentes
sexta-feira, 28/3/2008

TSE julga procedente pedido de decretação de perda do mandato do deputado federal Walter Brito Neto

Infidelidade partidária TSE julga procedente pedido de decretação de perda do mandato do deputado federal Walter Brito Neto O TSE julgou procedente o pedido de decretação de perda do mandato do deputado federal Walter Brito Neto - PRB/P...

Infidelidade partidária TSE julga procedente pedido de decretação de perda do mandato do deputado federal Walter Brito Neto O TSE julgou procedente o pedido de decretação de perda do mandato do deputado federal Walter Brito Neto - PRB/P...
TSE julga procedente pedido de decretação de perda do mandato do deputado federal Walter Brito Neto
Não há mais resultados para serem exibidos.