Sexta-feira, 20 de outubro de 2017

ISSN 1983-392X

2010

A freguesia foi criada em 7 de julho de 1881, por lei provincial 138, no município de Jaboticabal. É elevado à categoria de vila em 6 de julho de 1893, quando desmembra-se de Jaboticabal. Só em 1906 é que ganha foro de cidade.

Em 1911, Pitangueiras constitui-se por 2 distritos : Pitangueiras e Viradouro. Em dezembro de 1916, a lei 1.522, desmembra o município de Pitangueiras do Distrito de Viradouro.

Em 1933, o município compõe-se de 3 Distritos : Pitangueiras, Ibitiúva e Taquaral. Somente em 1993 é que Taquaral se desmembra do município.

Pitangueiras é constituída desde então por 2 distritos : Pitangueiras e Ibitiúva.

Primeiras autoridades


• Prefeito Municipal (Intendente) : Joaquim Jacques Cardeal


• Presidente da Câmara Municipal : Capitão Ernesto Alves de Carvalho


• Vereadores : Coronel José Walter da Silva Porto, Major Ernesto Caetano de Souza, Capitão José Pedro Guimarães, Olavo de Souza Lima e o Major Gabriel Custódio da Silveira

• Juiz de Direito : Matheus da Silva Chaves Júnior


• Promotor Público : José Veríssimo Filho


• Delegado de Polícia : Franz de Lima


• Juiz de Paz e Casamentos : Maurício de Souza

• Vigário : Cônego Joaquim Augusto Vieira

Datas:

• Elevação do núcleo à categoria de freguesia : 17/7/1881 – Lei Provincial 138

• Elevação da freguesia à categoria de distrito : 17/8/1892;

• Emancipação política – administrativa : 6/6/1893 (o município de Pitangueiras foi desmembrado do Município de Jaboticabal)

• Instalação da Comarca : 24/2/1911

____________________

Pitangueiras se desenvolveu a partir da necessidade de pouso de comerciantes que supriam Barretos, Bebedouro e Jaboticabal. Esses comerciantes descansavam de suas viagens em uma clareira na qual a árvore nativa era a Pitangueira. Toda a região passa então a ser chamada de Pitangueiras. Além desse fator, a criação de gado também foi fundamental para o desenvolvimento da cidade.

O casal mineiro Manoel Felix e sua mulher Ana Batista de Morais doa 80 alqueires ao patrimônio de São Sebastião, em 27 de julho de 1858. Com a doação logo é erguida a Capela de São Sebastião, que mais tarde seria a matriz local.

Até 1890 o comércio com São Carlos e Araraquara era realizado através de Jaboticabal.

Em 2 de junho de 1892, o casal Joaquim Moço e sua mulher Ana Joaquina de Morais faz nova doação de terras (5 alqueires) à São Sebastião.

Em 17 de agosto de 1892, com a lei 65, Pitangueiras é elevada a Distrito. Pela lei 152, no dia 6 de junho de 1893 o local ganha foro de cidade e tem seu território desmembrado de Jaboticabal.

A instalação da nova cidade deu-se no ano de 1894. Em 24 de fevereiro de 1911, pela lei 1.232, de 22 de dezembro de 1910 ocorre a instalação da comarca.

Pitangueiras é uma cidade do interior de São Paulo, localizada na microrregião de Jaboticabal, a 53km de Ribeirão Preto. Sua população é estimada em 35.441 habitantes (IBGE/09). A base da economia é a agropecuária.

____________________

Hino

Cavalgando aqui chegaram os viajantes
Desbravando bravamente este chão
Destemidos varonis com seus costumes
Suas crenças, a cultura e a tradição.
E no seio desta terra o estandarte
Numa cruz fincada ao solo então se viu
Ouve a voz no brado heróico retumbante
Nasce a terra mais querida do Brasil

Pitangueiras tu és forte, tu és grande.
Do teu povo se fez a tua história
Estás no cenário do mundo
Quem te ama te enche de glória

Viajantes desfrutavam das pitangas
Margeando o riacho cor de anil
Na paisagem resplendente desta terra
Pitangueiras tem teu nome no Brasil
Hoje o verde da tua planta e da esperança
É a força que conduz a região
Terra fértil de um povo hospitaleiro
Contribui para o progresso da nação

Pitangueiras tu és forte, tu és grande.
Da tua terra se fez a tua história
Estás no cenário do mundo
Quem te ama te enche de glória
Abençoa Pitangueiras lá do alto
Com tua força intercedendo aqui por nós
É o Santo Sebastião que nos protege
Outras crenças têm a tua proteção
É a fé que nos eleva e nos faz fortes
Nosso povo do idoso ao juvenil
Pitangueiras nossa mãe, nossa cidade.
Pitangueiras é o orgulho do Brasil

Pitangueiras tu és forte, tu és grande.
Da tua fé se fez a tua história
Estás no cenário do mundo
Quem te ama te enche de glória
.

____________________

População

De acordo com o Censo de 1950, estavam presentes 13.179 pessoas (6.788 homens e 6.391 mulheres), sendo 3.074 na zona urbana, 854 na zona suburbana e 9.251 ou 70% na zona rural.

Aglomerações urbanas

Sede municipal com 8.117 habitantes, Ibitiúva com 3.377 e Taquaral com 1.685.

Atividades econômicas

A agricultura e a pecuária são as atividades fundamentais à economia municipal.

Meios de transporte

Pitangueiras é servida pela Companhia Paulista de Estradas de Ferro, que a percorre numa extensão de 45KM e possui 5 estações ferroviárias.

É também, servida pelas seguintes rodovias com as respectivas quilometragens dentro do município : Pitangueiras – Bebedouro : 19KM; Pitangueiras – Jaboticabal : 10KM; Pintagueiras – Sertãozinho : 18KM; Pintagueiras – Pontal : 4KM; Pintagueiras – Viradouro : 11KM. Liga-se à Capital Estadual : rodoviário, via Ribeirão Preto e Campinas – 417 KM ou ferroviário C.P.E.F. em tráfego mútuo com a E.F.S.J. – 425 KM.

Liga-se à capital Federal, via São Paulo. O município possui um campo de pouso com 2 pistas com as dimensões de 740 x 30m e 760 x 30 m, respectivamente. Trafegam , diariamente, na sede municipal 18 trens e 60 automóveis e caminhões. Estão registrados na Prefeitura Municipal 46 automóveis e 85 caminhões. No município há 2 linhas de rodoviação interdistritais.

Comércio e Bancos

O comércio local mantém transações mercantis com São Paulo e Ribeirão Preto.

Importa : tecidos, armarinhos, louças, ferragens, bebidas e medicamentos.

A sede municipal posui 62 estabelecimentos varejistas e o município, segundo os principais ramos de atividade, possui 34 estabelecimentos e gêneros alimentícios, 4 de louças e ferragens e 16 de fazendas e armarinhos.

Aspectos urbanos

Iluminação - pública, com 19 logradouros iluminados e domiciliar com 678 ligações elétricas.

Água - 253 domicílios abastecidos.

Telefone - 9 aparelhos instalados.

Telégrafo - servido pelo D.C.T e Cia. Paulista de Estradas de Ferro

Hospedagem - 3 hotéis com diária mais comum de Cr$ 100,00

Diversões - 1 cinema

Assistência médico-sanitária

1 asilo para velhos e crianças com 20 leitos

1 posto de assistência estaual

4 farmácias

2 médicos

2 dentistas

6 farmacêuticos

Alfabetização

De 10.901 pessoas maiores de 5 anos, 5.985 (3.414 homens e 2.571 mulheres) ou 54% eram alfabetizadas.

Ensino

Ministram o ensino primário 19 unidades escolares, e o ensino secundário : 1 ginásio estadual. O ginásio estadual possui uma biblioteca geral com 300 volumes aproximadamente.

Manifestações folclóricas

As únicas manifestações folclóricas são os festejos de "Reis" em que se formam grupos, cada qual com uma bandeira (um estandarte com um quadro de santo) e entre os integrantes há tocadores de flauta e bambu e bombos, e são entoadas cantigas folclóricas alusivas ao nascimento de Jesus.

Outros aspectos do município

Exercem atividades profissionais 2 advogados.

Finanças Públicas


ANOS

RECEITA ARRECADA (Cr$)

DESPESSAS REALIZADAS NO MUNICÍPIO (Cr$)

Federal

Estadual

Municipal


Total


Tributária

1950

1.010.397

2.863.909

789.657

439.316

926.624

1951

1.398.592

3.506.093

1.182.194

462.736

713.828

1952

1.715.364

4.942.108

1.784.238

644.397

1.670.733

1953

2.332.364

5.618.272

2.040.324

761.329

1.898.412

1954

3.102.841

8.513.248

3.590.527

984.019

4.104.874

1955

4.271.018

8.834.441

2.888.159

1.171.156

2.789.122

1956

...

...

2.100.000

...

2.100.000

_________________________