Domingo, 20 de outubro de 2019

ISSN 1983-392X

Juízes gaúchos integram grupo do CNJ para criar banco de ações coletivas

Os juízes gaúchos Carlos Eduardo Richinitti e Ricardo Pippi Schmidt integrarão um grupo de trabalho para estudar e propor a criação de um banco nacional de ações coletivas.

sexta-feira, 15 de outubro de 2010

 

Banco nacional

Juízes gaúchos integram grupo do CNJ para criar banco de ações coletivas

Os juízes gaúchos Carlos Eduardo Richinitti e Ricardo Pippi Schmidt integrarão um grupo de trabalho para estudar e propor a criação de um banco nacional de ações coletivas.

O grupo é formado por 13 componentes. Os demais integrantes são o conselheiro do CNJ Felipe Locke Cavalcanti ; os juízes auxiliares da presidência do CNJ Marivaldo Dantas de Araújo, Paulo Cristóvão de Araújo Silva e Carlos Gustavo Vianna Direito ; os juízes auxiliares da Corregedoria Nacional de Justiça Erivaldo Ribeiro dos Santos e Nicolau Lupianhes Neto ; o juiz do TJ/RJ Flávio Citro Vieira de Mello ; o diretor do Departamento de Tecnologia e Informação Declieux Dias Dantas ; a assessora II de gabinete de Conselheiro Adriene Domingues Costa ; o diretor do Departamento de Política Judiciária (SRJ) Marcelo Vieira de Campos ; e o coordenador-Geral de Assuntos Jurídicos (SDE/DPDC) Amaury Martins de Oliva.

_________________

patrocínio

Bradesco Advertisement VIVO

últimas quentes