Domingo, 25 de agosto de 2019

ISSN 1983-392X

Desembargador Celso Limongi é o novo presidente do TJ/SP

x

quarta-feira, 7 de dezembro de 2005

Desembargador Celso Limongi é o novo presidente do TJ/SP

O desembargador Celso Luiz Limongi elegeu-se hoje presidente do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, com 137 votos de um total de 353. O novo vice-presidente será o desembargador Caio Eduardo Canguçu de Almeida, que obteve 106 votos. O corregedor-geral de Justiça será o desembargador Gilberto Passos de Freitas, eleito com 194 votos.

A votação começou às 9h, lotando o saguão central do Palácio da Justiça, na Praça da Sé, com quase todos os desembargadores do Tribunal. Nove urnas eletrônicas foram disponibilizadas para o pleito, o que agilizou a apuração dos votos. Pouco antes das 11h o resultado final foi anunciado pelo presidente do TJ/SP, desembargador Luiz Elias Tâmbara.

Em breve pronunciamento após a aclamação, o presidente eleito, Celso Limongi, agradeceu a todos os colegas, aos funcionários do Tribunal, “e a Deus, que me confiou esta missão. Viva o Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo! Viva a magistratura paulista, da qual tanto me orgulho de fazer parte!”, foram suas palavras finais.

Em segundo lugar ficou o 1º vice-presidente do TJ/SP, desembargador Mohamed Amaro, com 105 votos; em terceiro, o atual corregedor-geral, desembargador José Carlos Cardinale; com 64 votos; e em quarto, o 3º vice-presidente da Corte, desembargador Ruy Pereira Camilo, com 44 votos.

Houve dois votos em branco e um nulo. Foram registradas duas ausências justificadas e cinco não justificadas.

_____________

Em meados de outubro, Migalhas abriu seu espaço democrático para os insignes desembargadores que disputariam a cadeira maior do Palácio da Justiça paulista.

Clique aqui e veja o artigo de Celso Limongi sobre os desafios a serem enfrentados na Corte.

_______________________

patrocínio

Bradesco VIVO
Advertisement

últimas quentes