Segunda-feira, 19 de agosto de 2019

ISSN 1983-392X

Machado, Meyer, Sendacz e Opice Advogadosé o escritório brasileiro do ano

sexta-feira, 24 de março de 2006


Machado, Meyer, Sendacz e Opice Advogados é o escritório brasileiro do ano


O Machado, Meyer, Sendacz e Opice Advogados foi eleito pela publicação Internacional Financial Law Review (IFLR) como o escritório de advocacia de 2005 no Brasil (“Brazilian Law Firm of the Year”). O reconhecimento é concedido, com base em indicadores econômico-financeiros, aos principais escritórios da Argentina, Canadá, Chile, México e de diversos outros países na Europa e Ásia. A IFLR é uma publicação de origem britânica e circula há mais de 20 anos. O critério da premiação valoriza mais a qualidade do que a quantidade de serviços prestados, adotando parâmetros como inovação, complexidade e impacto no mercado. Ele é concedido às bancas que oferecem serviços consistentes e de qualidade na área de consultoria jurídica voltada para solução de crises.


“Em 2005, participamos de grandes operações e este é mais um reconhecimento de nosso trabalho”, afirma Carlos José Rolim de Mello, sócio do Machado, Meyer, Sendacz e Opice Advogados. O advogado representou o escritório na cerimônia de premiação realizada ontem no New York Palace Hotel, em Nova Iorque. O escritório ainda concorreu ao prêmio de Negócio do Ano nas Américas (“Deal of the Year”) nas categorias Equity (pela assessoria prestada ao Banco Nossa Caixa), Debt and Equity Linked (pela assessoria ao Bradesco) e Reestruturação de Dívida (pelos serviços prestados aos credores na reestruturação da dívida da Globopar).


No ano passado, a banca também foi agraciada com outro prêmio internacional. A revista americana Global Finance concedeu ao escritório o prêmio de melhor escritório de advocacia da América Latina ("Best Legal Advisor in Latin America”). A publicação, que premia anualmente os melhores bancos de investimentos, bancas de advocacia e negócios realizados ao redor do mundo, analisou critérios como performance na prestação dos serviços, inovação e capacidade estrutural das organizações. A América Latina, com o Machado, Meyer, Sendacz e Opice Advogados, foi a única região a ter uma banca de origem não inglesa ou americana como vencedora.
_________________

patrocínio

VIVO

últimas quentes