Quarta-feira, 16 de outubro de 2019

ISSN 1983-392X

Innovare

Prêmio Innovare anuncia seus finalistas

Foram escolhidas 21 práticas de todas as regiões do país, com destaque para o Sudeste, com sete concorrentes. Vencedores serão revelados dia 1º de dezembro no STF.

quinta-feira, 8 de outubro de 2015

Ações de ressocialização de presos, questões relacionadas à Justiça Trabalhista, soluções para adoção de crianças e assistência aos refugiados no país são alguns dos temas que se destacaram nesta XII edição do Prêmio Innovare. Foram selecionados 21 finalistas entre os 667 inscritos este ano, 55% a mais que na edição anterior. Práticas de 13 estados, das cinco regiões do país, estão entre as mais nas seguintes categorias: Tribunal, Juiz, Ministério Público, Defensoria Pública, Advocacia, Premiação Especial e Justiça e Cidadania. Esta última foi criada este ano e recebeu 235 práticas desenvolvidas por pessoas, empresas e organizações não ligadas ao Judiciário.

A votação, realizada a portas fechadas pela Comissão Julgadora do Prêmio Innovare, contou com uma tecnologia que garante o sigilo sobre a classificação dos vencedores, de modo que nem mesmo os membros da comissão sabem a colocação dos finalistas. O objetivo é prestigiar igualmente as práticas e garantir a surpresa e a emoção durante a cerimônia de premiação, que será realizada no STF, em Brasília, no dia 1º de dezembro.

A região Sudeste teve o maior número de boas práticas votadas nesta etapa. Ao todo, são sete iniciativas implantadas no RJ (3), MG (3) e ES (1). Na região Sul, três práticas do Paraná, duas do RS e uma de SC estão entre os finalistas. Outros estados com práticas selecionadas são CE, PB, GO, RO, TO e AM, além do DF.

A partir deste mês os autores das 21 práticas finalistas serão convidados para se encontrarem com uma equipe do Prêmio Innovare que produzirá um material de fotos e vídeos que serão usados no dia da premiação.

Nova categoria é destaque nas inscrições

Criada este ano, a categoria Justiça e Cidadania abriu espaço para a participação de pessoas, empresas e organizações não ligadas ao Judiciário brasileiro e foi o grande destaque desta edição, com 235 práticas inscritas. Entre as finalistas nesta categoria está uma de ressocialização sócio ambiental, tratamento humanizado das questões de DST/AIDS dentro de presídios e um observatório social pela transparência na gestão dos recursos públicos.

O presidente do Conselho Superior do Innovare, ministro Ayres Britto, destacou a qualidade das práticas desta 12ª edição.

"Todas são igualmente benéficas ao sistema de Justiça e seus agentes, contribuindo para torná-lo mais ágil, inovador e humanizado."

Sobre o Prêmio Innovare

Criado em 2004 e com cerca de cinco mil práticas inscritas e mais 150 dessas premiadas, o Prêmio Innovare é uma realização do Instituto Innovare, da Secretaria de Reforma do Judiciário do Ministério da Justiça, da Associação de Magistrados Brasileiros, da Associação Nacional dos Membros do Ministério Público (Conamp), da Associação Nacional dos Defensores Públicos (Anadep), da Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe), do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), da Associação Nacional dos Procuradores da República e da Associação Nacional dos magistrados da Justiça do Trabalho (Anamatra), com o apoio do Grupo Globo.

Conheça as Práticas Finalistas

CATEGORIA JUSTIÇA E CIDADANIA (244 inscritos)
Ressocialização Sócio Ambiental (TO)
O cuidado humanizado em DST/AIDS no sistema prisional do estado do Ceará (CE)
O Observatório Social de Maringá e a Busca pela Transparência e Zelo na Gestão dos Recursos Públicos (PR)

CATEGORIA JUIZ (77 inscritos)
Mediação judicial e policial: Reintegração humanizada com realocação de famílias carentes ocupantes de extensa área urbana (RO
Intimação eletrônica via whatsapp (GO)
Apadrinhar - amar e agir para materializar sonhos (RJ)

CATEGORIA MINISTÉRIO PÚBLICO (72 inscritos)
Controle social e preventivo de licitações e obras públicas (PB)
Sistema Apoia online: A informatização do Programa Apoia de Combate à evasão escolar (SC)
Osório - Um projeto de acessibilidade (RS)

CATEGORIA TRIBUNAL (64 inscritos)
Mediação Prévia em Despedidas em Massa (RS)
Criança e Adolescente Protegidos (PR)
Programa Itinerante Ouvidoria Ambiental – Uma Questão de Cidadania (AM)

CATEGORIA DEFENSORIA PÚBLICA (44 inscritos)
Da Tranca Pra Rua - A execução penal na voz dos presos (ES)
Atuação Extrajudicial na Saúde Pública: Garantia de acesso e qualidade aos serviços (RJ)
Projeto MESC - Mediação de Conflitos no Ambiente Escolar (MG)

CATEGORIA ADVOCACIA (102 inscritos)
Assessoria jurídica gratuita para refugiados e migrantes em situação de vulnerabilidade social (PR
Justiça acolhedora: Respeito às demandas sociais (MG)
Pós-natal da adoção (RJ)

CATEGORIA PREMIAÇÃO ESPECIAL (64 inscritos)
Projeto Execução Fiscal Eficiente (MG)
Centrais de Negociação da Procuradoria-Geral da União (DF)
Consumidor.gov.br (DF)

Diretoria do Prêmio: Sérgio Renault, Pedro Freitas, Antônio Claudio Ferreira Netto e Carlos Araújo
Coordenação do Prêmio Innovare: Raquel Khichfy

informativo de hoje

patrocínio

Bradesco Advertisement VIVO

últimas quentes