Domingo, 18 de agosto de 2019

ISSN 1983-392X

JT repassou mais de R$ 7 bi a trabalhadores em 2005

X

terça-feira, 4 de julho de 2006

Sentenças trabalhistas

JT repassou mais de R$ 7 bi a trabalhadores em 2005

As decisões da JT favoráveis aos trabalhadores brasileiros resultaram na transferência de R$ 7.186.296.442,77 a empregados ou ex-empregados que figuraram como partes em ações trabalhistas ajuizadas em todo o País.

Os valores são resultantes da conclusão de execuções de créditos judiciais (condenações trabalhistas) e de acordos celebrados em juízo pelas partes. Do total de R$ 7.186.296.442,77, 73% decorrem da execução de sentenças trabalhistas e 27% de acordos.

Os números fazem parte do Relatório Geral da JT de 2005, divulgado pelo presidente do TST, ministro Ronaldo Lopes Leal, no encerramento do semestre judiciário. Em relação a 2004, houve aumento de 20% nos valores pagos aos trabalhadores.

As Varas do Trabalho de todo o país receberam 1.739.242 reclamações trabalhistas no ano passado, 9% a mais que em 2004. Desse total, 38% referem-se a procedimento sumaríssimo, em que a simplificação das regras processuais impõe celeridade à solução do conflito.

Para o presidente do TST, o uso de ferramentas de informática – como o Bacen-Jud e o Cálculo Rápido – é essencial para garantir a efetividade das sentenças trabalhistas, fazendo com que esse repasse aos trabalhadores se eleve a cada ano.

Em 2005, a JT solucionou 2.268.279 processos, sendo 134.269 no TST, 503.955 nos 24 TRT's (segunda instância) e 1.630.055 nas Varas do Trabalho (primeira instância).

_______________

patrocínio

VIVO

últimas quentes