Domingo, 25 de agosto de 2019

ISSN 1983-392X

Trabalho infantil

Iniciativa busca combater o trabalho infantil em Manaus

Apoiado pelo TRT da 11ª região, Projeto Gente Grande recebeu visita de ministro do TST no último dia 12.

sábado, 20 de julho de 2019

Ao realizar correição ordinária no TRT da 11ª região, o corregedor-Geral da Justiça do Trabalho, ministro Lelio Bentes Corrêa, visitou o Projeto Gente Grande, em Manaus/AM. A iniciativa, apoiada pelo TRT, visa combater o trabalho infantil.

Durante a visita, o ministro Lelio Bentes Corrêa ressaltou a importância do projeto.

"O trabalho infantil acaba com as chances das crianças e dos adolescentes de terem acesso à educação, ao lazer, a uma formação saudável, que no futuro vai repercutir na sua atividade profissional. É com muita alegria e muita emoção que eu vejo hoje aqui todo esse entusiasmo e compromisso e, principalmente a alegria das crianças que aqui estão desenvolvendo suas habilidades para depois poderem se tornar adultos e profissionais eficientes e felizes."

t
Foto: TRT da 1ª região.

O projeto

O PGG surgiu em 2016 e é desenvolvido por uma associação beneficente. A iniciativa se deu a partir de dados levantados a partir de um estudo da entidade, o qual constatou que 75% das crianças e adolescentes abordadas na pesquisa estavam em situação de trabalho infantil – desses, 60% eram oriundos do bairro é sediado o projeto.

O projeto visa proporcionar às crianças e adolescentes conhecimentos e habilidades, preparando-os para inserção no programa Jovem Aprendiz. Os jovens que aceitam sair do trabalho informal e até mesmo da mendicância, participam de quatro ciclos de desenvolvimento – pedagógico, pessoal, tecnológico e profissional –, que duram dois meses cada.

Ao todo, 470 jovens já participaram da capacitação e 120 estão inseridos no mercado de trabalho.

Apoio institucional

De acordo com o TRT da 11ª região, a iniciativa conta com apoio institucional da Corte e só foi possível através da parceria com o MPT, que destinou recursos e multas oriundas de descumprimento de termos de ajuste de conduta.

Informações: TRT da 11ª região.

leia mais

patrocínio

Bradesco VIVO
Advertisement

últimas quentes