Sábado, 24 de agosto de 2019

ISSN 1983-392X

CPI da Pirataria

Prazo da CPI da Pirataria não será prorrogado

quinta-feira, 3 de junho de 2004


Prazo da CPI da Pirataria não será prorrogado


O prazo para o encerramento da CPI da Pirataria não será prorrogado porque o comerciante chinês Law Kin Chong, preso por tentar subornar o presidente da CPI, deputado Luiz Antônio Medeiros (PL-SP), não está disposto a colaborar e citar os nomes dos envolvidos no esquema de contrabando comandado por ele. O deputado Josias Quintal (PMDB-RJ) conversou hoje com o chinês e ele disse que não iria se pronunciar sobre o assunto. Com isso, a CPI terminará mesmo no dia 10 e o relatório será apresentado na próxima terça-feira.

Medeiros disse que o esquema comandado pelo chinês envolve cerca de cem pessoas e que a prorrogação do prazo da CPI implicaria ouvir muita gente, o que mereceria até uma nova CPI. Segundo ele, a CPI da Pirataria vai encerrar os trabalhos e passar o caso para a Polícia e a Justiça. Medeiros disse ainda que pediu a quebra do sigilo fiscal, bancário e telefônica de Chong e de seu advogado, Pedro Lindolfo Sarlo. Medeiros contou ainda que um hacker entrou em seu site e limpou todas as informações sobre o Chong.

__________ ....

patrocínio

Bradesco VIVO
Advertisement

últimas quentes