Terça-feira, 22 de outubro de 2019

ISSN 1983-392X

Petrobras paralisada

Os funcionários de todas as unidades

segunda-feira, 7 de junho de 2004

 

Petrobras paralisada

Os funcionários de todas as unidades da Petrobras, com exceção dos setores de produção e distribuição, vão parar amanhã, por 24 horas. O objetivo desta manifestação é pressionar a estatal para que atenda as reivindicações que ficaram pendentes no último acordo coletivo, que aconteceu em outubro do ano passado.

O presidente da Federação Única dos Petroleiros, Antônio Carrara, disse que foi dado um prazo para que a Petrobras cumprisse integralmente toda a pauta negociada, mas que até agora isso não aconteceu. Segundo ele, está chegando setembro, mês em que os petroleiros darão início à campanha salarial deste ano, e já existe um temor de que as duas pautas embolem, prejudicando ainda mais as negociações. Ele ainda ameaçou parar os setores de produção e distribuição por cinco dias (de 2 a 7 de julho) se até o fim deste mês a empresa não atender os pedidos.

Os petroleiros querem a redução dos serviços terceirizados, a definição da previdência de cinco mil funcionários contratados a partir de 1997, participação nos lucros, cumprimento da lei da anistia e novo plano de cargos e salários.

__________________...

 

informativo de hoje

patrocínio

Bradesco Advertisement VIVO

últimas quentes