Domingo, 21 de abril de 2019

ISSN 1983-392X

Rede de varejo Dudony pede recuperação judicial

Com sede em Maringá e 110 pontos de varejo espalhados pelo Estado do Paraná e também interior de São Paulo, a "Dudony" é a maior rede de lojas de varejo paranaense que emprega quase 1000 funcionários.

segunda-feira, 5 de janeiro de 2009


Recuperação judicial


Rede de varejo Dudony pede recuperação judicial

Com sede em Maringá e 110 pontos de varejo espalhados pelo Estado do Paraná e também interior de São Paulo, a "Dudony" é uma rede de lojas de varejo paranaense que emprega quase 1000 funcionários.

As dificuldades que vem enfrentando, decorrentes da crise econômica mundial e a conseqüente restrição ao crédito no mercado financeiro, obrigaram a empresa a pleitear a sua recuperação judicial.

Representada pela Martinelli Advocacia Empresarial a "Dudony" teve recentemente seu pedido de recuperação judicial deferido pelo Juiz de Direito da 1ª Vara Cível de Maringá/PR.

Com o processamento deferido, a empresa terá o benefício da suspensão das ações que contra ela estão sendo movidas pelo prazo de 180 dias.

A "Dudony" tem agora o prazo de 60 dias para apresentar seu "plano de recuperação" que deve prever a forma de quitação de suas dívidas e ser aprovado pela maioria dos seus credores.

O objetivo do pedido, segundo a Martinelli Advocacia Empresarial,é a concessão de benefícios legais à empresa, garantindo-lhe uma oportunidade de renegociar suas dívidas e dar continuidade ao negócio, conservando as relações comerciais já estabelecidas e os empregos ofertados.

É favorável a expectativa do mercado de que a "Dudony" realmente consiga realizar uma equalização financeira e recuperar-se, especialmente porque é uma empresa de tradição de mais de 20 anos, e detentora de fatia significativa do mercado varejista, diz o escritório.

___________









___________

patrocínio

Bradesco VIVO

últimas quentes