Quarta-feira, 16 de outubro de 2019

ISSN 1983-392X

AlfaSol divulga resultados do programa Rede Chevrolet de Educação Solidária

A Alfabetização Solidária, organização da sociedade civil sem fins lucrativos, que trabalha há doze anos pela redução dos altos índices de analfabetismo no país e pelo fortalecimento da oferta pública de Educação de Jovens e Adultos - EJA no Brasil, apresentou os resultados obtidos com o programa Rede Chevrolet de Educação Solidária - fruto de uma parceria inédita em conjunto com a General Motors do Brasil, por meio do seu braço social, o Instituto General Motors - IGM, e a Rede de Concessionárias Chevrolet.

sexta-feira, 13 de março de 2009


Parceria inédita

AlfaSol divulga resultados do programa Rede Chevrolet de Educação Solidária

A Alfabetização Solidária, organização da sociedade civil sem fins lucrativos, que trabalha há doze anos pela redução dos altos índices de analfabetismo no país e pelo fortalecimento da oferta pública de Educação de Jovens e Adultos - EJA no Brasil, apresentou os resultados obtidos com o programa Rede Chevrolet de Educação Solidária - fruto de uma parceria inédita em conjunto com a General Motors do Brasil, por meio do seu braço social, o Instituto General Motors - IGM, e a Rede de Concessionárias Chevrolet.

O programa, que teve início em 2008 como um projeto piloto, mobilizou 240 salas de alfabetização, com 25 alunos em média por sala, possibilitando o atendimento a cerca de 6 mil jovens e adultos de 24 municípios com as mais altas taxas de analfabetismo e os menores Índices de Desenvolvimento Humano - IDH nos estados de Sergipe e Piauí. Em parceria com a AlfaSol, atuaram a Universidade Federal do Piauí - UFPI, a Universidade Estadual Vale do Acaraú - UVA, a Universidade Federal de Sergipe - UFS e Universidade do Estado da Bahia Uneb.

Mais do que uma prestação de contas, o encontro, realizado na sede da montadora, em São Caetano do Sul, afirmou o Rede Chevrolet de Educação Solidária como um exemplo de sucesso e com grande potencial multiplicador: para cada um real investido pelas concessionárias, o IGM soma mais um real ao programa. Em 2008, aderiram ao projeto 16 concessionárias, apenas do estado de São Paulo, a fim de estimular as demais concessionárias a aderirem ao programa pelos próximos anos.

Participaram do encontro o presidente da GM do Brasil e Mercosul, Jaime Ardila, o vice-presidente da GM do Brasil e do Conselho de Mantenedores do Instituto General Motors - IGM, José Carlos Pinheiro Neto, o diretor geral de Marketing e Vendas da GM do Brasil, Marcos Munhoz, o diretor de Comunicação Social e vice-presidente do IGM, Pedro Luiz Dias, o ex-ministro e presidente da AlfaSol, José Gregori, a superintendente executiva da AlfaSol, Regina Célia Esteves de Siqueira, e o ex-presidente da República, Fernando Henrique Cardoso, convidado de honra para receber uma homenagem prestada à Dra. Ruth Cardoso, fundadora da AlfaSol.

Cases de sucesso: aluna e alfabetizador vêm a São Paulo compartilhar suas experiências

Para melhor exemplificar a importância das ações desenvolvidas pelo programa Rede Chevrolet de Educação Solidária, os presentes puderam conversar com a aluna Simone da Silva Pereira, de 37 anos, e com o alfabetizador José Gilton Ferreira dos Santos, de 42 anos, que vieram do município de Lagarto, em Sergipe, para o encontro. Eles contaram sobre a sua experiência com o programa e os benefícios que este gerou em suas vidas. "É um programa importante e o apoio de empresários é fundamental para o sucesso da causa. Acho que mais empresários deveriam apoiar iniciativas como essa", ressalta o alfabetizador.

A presença da aluna e do alfabetizador permitiu aos presentes entrar em contato com a realidade daqueles que são beneficiados pelo programa que incentivam, conhecer suas histórias e a realidade dessas comunidades.

"Quem não sabe ler é como um cego. Por isso, quero prosseguir nos meus estudos para aprender cada vez mais", destaca Simone, acrescentando que, devido aos estudos, realizou mais um sonho. "Queria vir para São Paulo e consegui. Quero agradecer a todos desse programa por essa oportunidade", finaliza.

Alfabetização Solidária

A Alfabetização Solidária - AlfaSol é uma organização da sociedade civil, sem fins lucrativos, fundada em 1997, que adota um modelo de articulação de parcerias entre todos os segmentos de sociedade e consolida resultados significativos no país. Seu modelo de atuação é reconhecido e premiado no Brasil e no exterior.

Com o apoio de 150 empresas e instituições governamentais parceiras, que investem em Educação, de 76 instituições de Ensino Superior que já capacitaram mais de 249 mil alfabetizadores, a Alfabetização Solidária já atendeu mais de 5,4 milhões de alunos, jovens e adultos em 2.116 municípios do país em seus 12 anos de atividades, somente por meio do programa de alfabetização, além de desenvolver programa de formação para 600 professores da rede pública de EJA.

O atendimento a municípios brasileiros com maior índice de analfabetismo e menor IDH – Índice de Desenvolvimento Humano, normalmente localizados no Norte e Nordeste, é priorizado pela Organização e ganha amplitude dentro do Programa Nacional de Alfabetização de Jovens e Adultos.

Também são foco do atendimento os bolsões de analfabetismo localizados em metrópoles brasileiras, onde a AlfaSol desenvolve o Programa Grandes Centros Urbanos (PGCU), nos quais os cidadãos solidários adotam um aluno, por R$21,00 durante oito meses. A AlfaSol também desenvolve programas de educação continuada para jovens e adultos atendidos desde o início do processo de alfabetização, garantindo o cumprimento de sua missão de reduzir os altos índices de analfabetismo e fortalecer a política pública de Educação de Jovens e Adultos - EJA no Brasil

_______________

informativo de hoje

patrocínio

Bradesco Advertisement VIVO

últimas quentes