Terça-feira, 22 de outubro de 2019

ISSN 1983-392X

Resultado do sorteio da obra "Cadeia de Causalidades"

segunda-feira, 15 de junho de 2009


Sorteio de obra

Migalhas sorteia dois exemplares do título "Cadeia de Causalidades" (143p.), oferecidos gentilmente pelo ilustre Jayme Vita Roso. A obra, composta de textos jurídicos, deixa antever o gosto do advogado pela abordagem multidisciplinar das questões do Direito, bem como a sua renúncia a abstrações em favor de análises legais construídas à luz da realidade social.

Sobre a obra :

"A qualidade da produção literária de Jayme Vita Roso, se apenas fosse mensurada pela frequência nos meios de comunicação do país, pelas palestras e conferências que realiza, já seria o bastante para colocá-lo entre as mais privilegiadas inteligências, que fazem do pensamento e da cultura instrumentos permanentes para o aprefeiçoamento da sociedade.

(...)

Não é apenas um livro para o presente, mas, principalmente, para a posteridade, quando o distanciamento natural do tempo nos permitirá ter a clareza necessária da visão do que foi realmente o passado. Tudo maturado e condensado em crônicas que refletem o que de melhor uma nação pode produzir em tempos de muitas incertezas e reduzida claridade. Na coletânea de seus artigos, sempre a mesma unidade ética... " Murilo Badaró, presidente da Academia Mineira de Letras.

Sobre o autor :

Jayme Vita Roso, formado pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo, tendo cursado especialização em História do Direito e mestrado, na mesma Faculdade, na área de Direito Econômico. Ainda especializou-se em Direito Público na Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Cursou Mercado de Capitais, na Fundação Getúlio Vargas.

É membro da OAB/SP - Ordem dos Advogados do Brasil, Seção São Paulo e da AASP - Associação dos Advogados de São Paulo, da Federação Interamericana de Advogados, Washington, D.C., EUA, da Illinois State Bar Association, Springfield, Illinois, EUA, da American Bar Association, nas Secções de Banking, Securities, International Law e Antitrust, e na Secção de Franchising da American Society of International Law, onde faz parte da Human Rights Connections.

É colaborador permanente da International Bar Association, Seção de Direito Comercial, no Comitê Antitrust and Trade Law. Diretor e conselheiro vitalício da Associação dos Dirigentes de Vendas do Brasil (ADVB), do Departamento Seminários Internacionais e da Fundação Brasileira de Marketing, prestou colaboração no setor de Banco e Instituições Financeiras, como assessor. Convidado a ministrar cursos, nessas entidades. É sócio-remido do IDORT- Instituto de Organização Racional do Trabalho. Sócio e membro do Conselho do IASP - Instituto dos Advogados de São Paulo, proferiu palestras, organizou cursos e participou de comissões sobre problemas nacionais e reformas legislativas.

Nos assuntos profissionais, utiliza-se das línguas portuguesa, inglesa, espanhola, francesa e italiana, tendo ainda, sólidos conhecimentos de latim.

Estagiou em Genebra, Suíça, durante o mês de abril de 1965, visando aprender a sistemática para empréstimos internacionais; em Milão, Itália, no mês de setembro de 1968, para conhecer a organização jurídica da maior Bolsa de Valores daquele país; em Padova, Itália, em escritório de advocacia sobre consultoria administrativa e financeira. Participou de diversas negociações internacionais. Tem prática de arbitragem na Inglaterra, na London Corn Trade Association. Praticou como advogado representante na Itália, Suíça, França, Estados Unidos, Bolívia, Argentina, Congo, Japão, Uruguai, dentre outros países.

De 1972 a 1977, prestou serviços a empresas brasileiras e francesas para construções no Gabão, Zaire, Congo, Mauritânia, Costa do Marfim, Angola e Moçambique. Estudou e tem conhecimentos do Direito daqueles países e profunda prática em negociação. Tem biblioteca especializada sobre países africanos.
Participou do curso Competition Law and Trade Policy: an International Symposium, organizado por International Bar Association, em Bruxelas, Bélgica. Em 1999, participou do 47th Annual Antitrust Spring Meeting, organizado pela American Bar Association, e do curso Project Finance, organizado por International Bar Association, ambos realizados em abril, em Washington e da XXXV Conferência da Federação Interamericana de Advogados, com destaque nas seções de Direito Administrativo, Direito Comercial e Direito Processual das Américas, bem como no Seminário sobre Corrupção Internacional, realizados na cidade do México. No Seminário, recebeu o prêmio de segundo lugar de melhor livro jurídico publicado, título Novos Apontamentos à Lei Antitruste Brasileira, em contribuição ao Direitos Jurídicos das Américas.

É titular da sociedade civil de advogados Jayme Vita Roso Advogados e Consultores Jurídicos, formada em 1988, com uma equipe de seis profissionais que tratam das áreas cível, comercial, administrativa, tributária e trabalhista, para uma clientela predominantemente empresarial, representada por Bancos e empresas multinacionais.

É proprietário de um sítio, situado em Parelheiros/SP, com área de 800.000 m2, onde plantou cerca de trezentas mil árvores de cinqüenta espécies diferentes, algumas em extinção, recebendo do IBAMA, em 1995, o título de RPPN (Reserva Particular do Patrimônio Natural) a primeira e única em capitais brasileiras, fundou, no ano seguinte, a organização não-governamental Curucutu Parques Ambientais, que tem por objetivo a defesa do meio ambiente. Em 1996, recebeu da ADVB o Prêmio Top Ecologia 1996 na categoria Hors Concours e, em 1997, o Prêmio Revista Natureza de Ecologia. Trabalha com os Bancos Bradesco, Francês e Brasileiro, Mercantil Finasa de São Paulo, Real, Indusval, Itaú, Fibra, BankBoston, Citibank e Nossa Caixa Nosso Banco, que poderão fornecer referências pessoais.

_______________

Ganhadores :

Sarita Melaine Paiva de Andrade, advogada de Florianópolis/SC;

Sergio De Miranda Simãozinho, gerente tributário da Editora Abril S/A, de São Paulo/SP







______________

patrocínio

Bradesco Advertisement VIVO

últimas quentes