Encerrado

 

 

Relações Comerciais Brasil-China

 

  • Data: 30 de abril de 2004
  • Horário: 8h30 às 13h20
  • Local: Golden Tulip Paulista Plaza Hotel, al. Santos, 85, São Paulo

 

A China é a economia que mais se destaca hoje no cenário internacional, registrando um crescimento explosivo, de 9,1% no ano passado. E deverá ser, em 2004, o terceiro maior importador do mundo, atrás dos Estados Unidos e Alemanha.

 

A China também ocupa a terceira posição entre os mercados compradores de produtos brasileiros, no nosso caso, atrás dos EUA e da Argentina. O volume de exportações do Brasil para a China foi no ano passado de US$ 4,53 bilhões, 79,9% superior às vendas para os chineses em 2002.

 

Na medida em que o comércio e os negócios entre os dois países se intensificam, as empresas brasileiras cada vez mais precisam conhecer o comportamento do mercado chinês e os mecanismos existentes para facilitar sua participação nesse mercado, que guarda enormes especificidades, porém oferece grandes oportunidades.

 

Este Seminário InterNews apresentará um claro panorama das relações comerciais entre os dois países, mostrando oportunidades que se oferecem às empresas brasileiras na China. Venha saber como obter sucesso em seus negócios com os chineses.

 

 

Programa

 

8h30

Credenciamento e retirada dos materiais

 

 

9h às 9h40

Do isolamento à abertura para o mundo: as transformações da economia chinesa

 

O processo que levou a China de uma economia totalmente fechada ao mundo exterior até a criação de um ambiente propício aos negócios é o tema desta conferência, que trata do percurso da China em direção a uma economia de mercado.

 

Jayme Martins

Jornalista profissional, viveu na China mais de vinte anos. Foi professor de Português no Instituto de Línguas Estrangeiras de Pequim, editor do Serviço de Português da Rádio China Internacional e correspondente dos jornais O Globo, O Estado de São Paulo e Jornal da Tarde. É diretor de Comunicação da Câmara de Comércio e Indústria Brasil-China — CCIBC-SP.

 

 

9h40 às 10h20

As condições para o comércio com a China

 

Como está estruturado o comércio exterior na China? Como funcionam o regime cambial e o sistema de crédito chinês? O atual crescimento acelerado da economia é sustentável? Na medida em que este país ganha em importância no cenário internacional, como evoluirão as relações comerciais e econômicas da China com o Brasil?

 

Luiz Gongaza Belluzzo

Professor da Unicamp, fundador da Facamp (Faculdade de Campinas), diretor da revista Carta Capital e colaborador do programa de governo do PT.

 

 

10h20 às 11h

Intercâmbio comercial entre Brasil e China e as boas perspectivas para o Brasil

 

Como tem evoluído o comércio entre Brasil e China? Quais as perspectivas do Brasil em relação àquele mercado? Qual a estratégia comercial que o Brasil deve adotar para incrementar o comércio com a China? Vantagens competitivas.

 

Cláudio Borges

Técnico em comércio exterior da APEX – Brasil – Agência de Promoção de Exportações do Brasil. Trabalhou como fiscal de tributos na Secretaria da Receita Federal. Formado em Direito pela USP, com especialização em Direito Tributário e Ciência das Finanças. Pós-graduado em Administração pela FGV, possui MBA em Administração Internacional pela Thunderbird, EUA, e curso de promoção de comércio exterior na WTC/JICA de Tóquio.

 

 

11h às 11h20

Coffee Break

 

 

11h20 às 12h

Tarifas, tributos e sociedades na China

 

O que uma empresa brasileira precisa saber sobre legislação para vender seus produtos ou se estabelecer na China.

 

Durval de Noronha Goyos Jr.

Está à frente de Noronha Advogados, primeiro da América Latina a abrir escritório na China, em 2001. Advogado admitido no Brasil, Inglaterra e Gales e Portugal, é árbitro da OMC (Organização Mundial do Comércio) e professor de Direito do Comércio Internacional do Curso de Pós-graduação da Universidade Cândido Mendes, no Rio de Janeiro, além de atuar como professor visitante e conferencista de inúmeras universidades em diferentes países incluindo a Faculdade de Direito do Instituto do Comércio Internacional (Xangai) e Tsinghua University (Pequim). Autor de diversos livros sobre Direito Internacional, incluindo "A China pós-OMC: Direito e Comércio".

 

 

12h às 12h40

A parceria entre empresas brasileiras e chinesas: decisões estratégicas

 

A China desenvolveu-se em um modelo econômico diferente do brasileiro, e para fazer negócios com chineses é fundamental a adaptação ao estilo do país. A parceria com empresas locais é a maneira mais eficiente para uma empresa brasileira participar do mercado chinês. A palestra explica como chegar a um parceiro na China e como funciona, na prática, essa parceria.

 

Charles Tang

Presidente da Câmara de Comércio e Indústria Brasil-China, membro do Instituto Fernand Braudel de Economia Mundial. Foi professor de Desenvolvimento Econômico na Universidade Estácio de Sá, membro do Conselho Internacional do governo de Wuhan e conselheiro econômico do governo de Jilin City. É formado pela Universidade de Cornell, nos Estados Unidos, cursou programa de doutorado na Universidade Paris V (Sorbonne).

 

 

12h40 às 13h20

Estudo de caso – Exportação de soja

 

A soja é um dos principais itens na pauta de exportações brasileiras para a China. A conferência aborda uma série de fatores críticos para o sucesso das exportações de grãos, como logística, preços e garantias relacionadas aos transgênicos.

 

Sérgio Castanho Teixeira Mendes

Diretor geral da ANEC – Associação Nacional de Exportadores de Cereais da ANEA – Associação Nacional dos Exportadores de Algodão, representando estas duas entidades junto à Camex – Câmara de Comércio Exterior. Diretor da FIESP – Federação das Indústrias do Estado de São Paulo. Ex-presidente da ABRASSUCOS e vice-presidente da ABECITRUS. Possui graduação e pós-graduação em Administração de Empresas pela Fundação Getúlio Vargas.

 

__________

Ganhador:

Renato César Guinato Figueiredo, da TGM Turbinas

INFORMAÇÕES E INSCRIÇÕES

TELEFONE

0800-177 707/ (11) 4612-0535

 

ou

 

Clique aqui

 

Publicado sábado, 20 de março de 2004