Migalhas

Terça-feira, 7 de abril de 2020

ISSN 1983-392X

Marketing Jurídico
Alexandre Motta

Carnaval advocatício

sexta-feira, 21 de fevereiro de 2020

O amigo Jonas Martins pergunta:

"Com a aproximação do carnaval deste ano, gostaria de saber: o que postar nas redes referente esta comemoração?"

Jonas, obrigado pela pergunta. A resposta é simples: nada. Sim, na minha concepção, advocacia não tem nada a ver com carnaval. Veja que não estou questionando a validade da data e a representativade do evento no coração dos brasileiros, mas sim que a sobriedade da advocacia não tem muito encontro com a alegria do carnaval.

E é nessa época que vemos muito erros em termos de redes sociais dos advogados. Muitas postagens colocam, em seu perfil institucional oficial, os donos do escritório se esbaldando nas festas. E aí eu pergunto: o que isso agrega para seu cliente? Pra falar a verdade, e sabendo como o mercado reage, o máximo que ele vai comentar é: "Olha aí, essa é a razão porque meu processo não anda". Sabemos que é um absurdo, mas que infelizmente acontece, e muito.

É importante reforçar que não estou comentando que o advogado precisa se mostrar de uma maneira sisuda, sem alegria. É sim importante mostrar a modernidade e alegria no dia a dia do advogado, só que ainda dentro de uma esfera comportamental condizente com o que o mercado espera de um advogado sério.

Veja que até eventos carnavalescos criados por associações advocatícias ainda tem uma conotação muito mais de festa/encontro do que de carnaval (onde vale tudo e o "bêbado vestido de mulher que grita todas as marchinhas" é o cara mais legal do evento). Isso vale também para ações de endomarketing para os escritórios com o tema carnaval.

E é isso apenas que quero defender aqui: cuidado na curtição do carnaval para que sua imagem não fique exposta demais e que isso quebre a noção que o mercado tem de você como um advogado sério e competente.

Fica aqui a premissa básica: "se beber, não poste".

Espero ter ajudado.

Confira toda sexta-feira a coluna "Marketing Jurídico" e envie suas dúvidas sobre marketing jurídico, gestão de escritórios, cotidiano dos advogados empreendedores ou dúvidas gerais sobre o dia a dia jurídico por e-mail (com o título Coluna Marketing Jurídico) que terei um grande prazer em ajudar.

Bom crescimento!

Alexandre Motta

Alexandre Motta, é consultor e sócio diretor do Grupo Inrise. Com formação e pós-graduação em marketing pela ESPM (Escola Superior de Propaganda e Marketing), atuou durante cinco anos em escritório jurídico como responsável pela área de desenvolvimento de negócios e comunicação com clientes. É palestrante oficializado pela OAB (tendo recebido inclusive a Medalha do Mérito Jurídico), escreve artigos de relevância para o mercado atual e é autor dos livros "Marketing Jurídico – Os Dois Lados da Moeda" e "O Guia Definitivo do Marketing Jurídico". Apresenta também o programa de entrevistas Conversa Legal, focado na interatividade dos profissionais do setor jurídico. Desde 2002 mantém, através de sua consultoria, uma clientela de inúmeros escritórios jurídicos sob sua responsabilidade de atuação e crescimento em marketing ético.

-