domingo, 27 de setembro de 2020

COLUNAS

Atraso digital

O amigo Jonathas Loureiro comenta:

"Uma coisa que não muda nem em pandemia é o atraso das pessoas. Mesmo não existindo a necessidade de deslocamento para uma reunião, mesmo assim as pessoas não entram em um zoom no horário marcado. Sou só eu que sofro como isso Alexandre?"

Jonathas, obrigado pela pergunta. Tenho certeza que você não é o único. Dezenas de advogados que conheço reclamam desse mal comportamental em outros profissionais e como isso impacta negativamente na vida de todos. Eu também sofro bastante com isso pois sou muito organizado em minha agenda e qualquer pessoa que tenha perfil de "atrasildo" geralmente não encaixa muito com meu dia a dia.  

Se antes a pessoa dava aquela desculpa esfarrapada de "o trânsito estava muito ruim" para chegar atrasada em uma reunião, hoje, em dias de coronavírus, a desculpa é "a conexão está muito ruim" ou "o link não estava entrando". A verdade é que quando a pessoa não tem a organização devida, não é o meio que importa, mas sim o entendimento (ou a falta dele) de que profissionais capazes e proativos simplesmente sabem organizar sua agenda para estarem presentes em seus compromissos, exatamente no horário marcado.

Pessoas desorganizadas não entendem que o respeito com o horário alheio é um dos principais fatores de qualidade na sua imagem pessoal.

Quer ser visto como incapaz de gerenciar seu próprio tempo e atitudes? (Lembre-se que essa imagem vai ser carregada para outros lados da sua vida, pessoal ou profissional).

Aguarde até o último minuto para operacionalizar suas reuniões ou compromissos, use desculpas como "hoje o dia está corrido" ou "aconteceu um imprevisto" e nunca use algum método digital (agendas online ou programa específico) ou físico (a boa e velha agenda de papel) para lembrá-lo antecipadamente do que está por vir no seu dia.

Quer estar sempre certo?

Esteja cinco minutos antes no local (seja físico, seja virtual) pronto para iniciar. Simples assim.

Obviamente imprevistos realmente acontecem de vez em quando e todos temos permissão para ocasionalmente atrasar. Isso é a exceção ocasional. O que estou comentando aqui é referente pessoas que usam a palavra "imprevisto" como maneira certeira de camuflar sua falta de proatividade diária. Se acontece toda hora, não é um imprevisto, mas sim um sintoma de sua falta de capacidade organizacional.

Organização é, é sempre vai ser, um dos pilares do profissional de qualidade e um excelente dispositivo para seu marketing pessoal, sem mencionar o respeito com o tempo do próximo.

Espero ter ajudado.

Confira toda sexta-feira a coluna "Marketing Jurídico" e envie suas dúvidas sobre marketing jurídico, gestão de escritórios,  cotidiano dos advogados empreendedores ou dúvidas gerais sobre o dia a dia jurídico por e-mail (com o título Coluna Marketing Jurídico) que terei um grande prazer em ajudar.

Bom crescimento!

Atualizado em: 11/9/2020 08:10

COORDENAÇÃO
Alexandre Motta

Alexandre Motta, é consultor e sócio diretor do Grupo Inrise. Com formação e pós-graduação em marketing pela ESPM (Escola Superior de Propaganda e Marketing), atuou durante cinco anos em escritório jurídico como responsável pela área de desenvolvimento de negócios e comunicação com clientes. É palestrante oficializado pela OAB (tendo recebido inclusive a Medalha do Mérito Jurídico), escreve artigos de relevância para o mercado atual e é autor dos livros "Marketing Jurídico - Os Dois Lados da Moeda" e "O Guia Definitivo do Marketing Jurídico". Apresenta também o programa de entrevistas Conversa Legal, focado na interatividade dos profissionais do setor jurídico. Desde 2002 mantém, através de sua consultoria, uma clientela de inúmeros escritórios jurídicos sob sua responsabilidade de atuação e crescimento em marketing ético.