quinta-feira, 30 de junho de 2022

MIGALHAS DE PESO

fechar

Cadastre-se para receber o informativo gratuitamente

  1. Home >
  2. De Peso >
  3. 5 dicas para novos escritórios de advocacia

5 dicas para novos escritórios de advocacia

A qualidade é a premissa básica para estar no mercado.

quinta-feira, 17 de fevereiro de 2022

(Imagem: Arte Migalhas)

Antes de começar a discutir sobre as sugestões que me arrisco a fazer aos novos escritórios (por conta dos meus quase 35 anos de experiência na gestão dessas instituições), será necessária a introdução de algumas premissas ou pré-requisitos para que as tais sugestões façam sentido (que os advogados adoram chamar de "consideranda")!

Todos sabemos que para que um negócio prospere e tenha sucesso é necessária a combinação de algumas características do seu, ou dos seus idealizador(es), ou seja: espírito empreendedor capacidade técnica e muito trabalho e estou partindo da premissa de que os conselhos ou sugestões que serão elencados abaixo são destinados aos escritórios que satisfazem essas condições (lembremos que as dicas por sí só não garantem o sucesso, mas apenas o aceleram).

PENSE COMO EMPRESA - Esse, no meu ponto de vista, é a dica mais importante (apesar de parecer óbvia e até infantil)! Cultue, invista e trabalhe para a instituição em todos os sentidos e lembre que "a soma de todos é maior que a soma de cada um individualmente". O resultado gerado por ela trata como consequências, realização, remuneração e prestígio aos seus sócios. Deixe de lado o egocentrismo, o culto à personalidade e outros vícios que pessoas de personalidades fortes costumam ter.

PENSE GRANDE E AJA DE MANEIRA HOMEOPÁTICA - Isto quer dizer: tenha um objetivo de médio e longo prazo e tome todas as pequenas atitudes e decisões do dia-a-dia sempre pautadas nesses objetivos. Tenha foco!

INVISTA EM TECNOLOGIA E TALENTOS - Cada vez mais é exigido de todas as empresas (e escritórios pertences a esta categoria): eficiência, rapidez nas respostas e decisões, qualidade nos trabalhos e principalmente produtividade! Por isso, tenha políticas claras de atração e manutenção de talentos (sejam advogados ou administrativos) e cuide muito bem deles. Lembre-se que o patrimônio de um escritório de advocacia "desce pelo elevador todos os dias e vai para casa". Se esse patrimônio não voltar no dia seguinte, seu escritório não vale nada!

PENSE MODERNO E AJA DA MESMA FORMA - O nicho formado pelos escritórios de advocacia tem uma tendência brutal em ser extremamente conservador por conta da própria formação acadêmica e do exercício da profissão (leis, doutrinas e jurisprudências estão sempre no passado).Esse hábito dificulta o pensamento criativo e intuitivo, que deve pensar no futuro, desvinculado de fatos e estatísticas passadas. Faça um marketing moderno de sua empresa e não de suas personalidades, usando todas as ferramentas existentes na internet e nas redes sociais e profissionais.

CUIDE MUITISSIMO BEM DE SEU CLIENTE - O mago do marketing Philip Kotler diz que o maior "asset" que toda empresa tem são seus clientes; o resto gira em torno disso! Cuide deles como se fossem consumidores e não somente como clientes (isso obriga o escritório a ser muito menos tolerante a pequenas falhas e evita a acomodação natural que vai aparecendo à medida que o tempo passa). Surpreenda o cliente com atividades não cobráveis e que tragam algum valor a ele (newsletter não é o caso)!

LEMBRE SEMPRE:  Os clientes atuais (consumidores de serviços legais) querem contratar empresas modernas, tecnológicas, ágeis (com nível de serviço excelente) e que tenham preços competitivos. A qualidade é a premissa básica para estar no mercado!

Atualizado em: 17/2/2022 09:06

José Paulo Graciotti

VIP José Paulo Graciotti

Consultor, sócio e fundador da GRACIOTTI Assessoria Empresarial.