Migalhas

Terça-feira, 25 de fevereiro de 2020

ISSN 1983-392X

Inspeções

CNJ poderá retornar em abril ao TJ/RJ para inspeção

Tribunal pediu prazo de 14 dias para gerar relatórios solicitados.

sexta-feira, 30 de março de 2012

A Corregedoria do CNJ poderá voltar em abril ao TJ/RJ para dar continuidade à inspeção que vem sendo feita ao longo desta semana. Durante os trabalhos, a equipe da Corregedoria teve acesso a parte da documentação referente às folhas de pagamentos de servidores e magistrados, no entanto, algumas das informações contidas nos sistemas do Tribunal não puderam ser obtidas imediatamente.

O TJ/RJ pediu, então, um prazo de 14 dias para gerar os relatórios com as informações solicitadas pela Corregedoria. Apenas após o recebimento destes relatórios é que a Corregedoria decidirá se será preciso retornar ao Tribunal para refinar e complementar as informações prestadas.

O retorno da equipe da Corregedoria é considerado "provável", embora não esteja descartada a possibilidade de que os relatórios possam ser analisados na sede do CNJ, em Brasília. A definição dependerá da forma como as informações pendentes forem apresentadas ao CNJ.

Uma equipe de 20 pessoas participa da inspeção ao TJ/RJ ao longo dessa semana e deve retornar hoje a Brasília. Entre as áreas inspecionadas estão a distribuição, os gabinetes dos juízes e desembargadores e os cartórios judiciais e extrajudiciais do estado.

A equipe também está averiguando o andamento dos processos de improbidade administrativa, já que o número de condenações informadas ao CNJ é considerado pequeno em relação à importância e ao porte do estado.

patrocínio

últimas quentes

-