terça-feira, 27 de julho de 2021

MIGALHAS QUENTES

  1. Home >
  2. Quentes >
  3. Culpa concorrente em acidente não anula indenização, que deve ser dividida entre as partes
Culpa concorrente

Culpa concorrente em acidente não anula indenização, que deve ser dividida entre as partes

Decisão é da 1ª câmara de Direito Civil do TJ/SC.

segunda-feira, 27 de abril de 2015

O registro de culpa concorrente em acidente de trânsito, com a responsabilidade dividida entre autor e vítima, não suprime o dever de indenização entre as partes.

Sob essa premissa, a 1ª câmara de Direito Civil do TJ/SC, em matéria sob a relatoria do desembargador Sebastião César Evangelista, reformou sentença de comarca do sul do Estado para garantir reparação moral e material em benefício da mulher e filhas de um homem que morreu em acidente no leito da BR-101.

O acidente ocorreu durante uma madrugada chuvosa, em 1999. Com o carro quebrado, o motorista abriu o capô e permaneceu ao lado esquerdo do veículo, onde acabou atingido por outro automóvel que circulava pela rodovia.

Estabelecido que a vítima concorreu em 70% para o sinistro, restou à parte contrária bancar as indenizações - por dano material, moral e pensão alimentícia - no limite de 30%.

"Havendo culpa concorrente, a doutrina e a jurisprudência recomendam dividir a indenização, não necessariamente pela metade, como querem alguns, mas proporcionalmente ao grau de culpabilidade de cada um dos envolvidos."

A decisão foi unânime.

Confira o acórdão.

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 27/4/2015 08:37

LEIA MAIS