terça-feira, 5 de julho de 2022

MIGALHAS QUENTES

fechar

Cadastre-se para receber o informativo gratuitamente

  1. Home >
  2. Quentes >
  3. Filtro não pode ser sempre do Estado, diz ministro Buzzi sobre fake news
VI Fórum Jurídico de Lisboa

Filtro não pode ser sempre do Estado, diz ministro Buzzi sobre fake news

Assista à entrevista.

terça-feira, 3 de abril de 2018

"Não se pode viver alienado a ponto de ler uma notícia e não compreender já de início que aquilo não tem caráter oficial, ou que é tendenciosa." Assim afirmou o ministro do STJ Marco Buzzi ao abordar o problema das fake news.

Em entrevista à TV Migalhas cedida no VI Fórum Jurídico de Lisboa, o ministro aponta que é a favor da liberdade de manifestação e que o filtro não pode ser sempre feito pelo Estado, ou pelo juiz: deve ser feito pela opinião pública.

Assista:

Inteligência artificial

Na mesma entrevista, o ministro salientou a necessidade do uso da inteligência artificial no Direito. Buzzi destaca a velocidade com a qual se consegue resolver os conflitos valendo-se de tecnologia. Para ele, os operadores do Direito - advogados, juízes, promotores, defensores públicos, procuradores - devem se inteirar sobre o tema para evitar o volume muito grande de demandas, destacadamente no Brasil, a fim de que os conflitos sejam resolvidos antes mesmo de chegar aos Tribunais.
Confira:

_________________

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 3/4/2018 07:46

Patrocínio