sexta-feira, 16 de abril de 2021

MIGALHAS QUENTES

Publicidade

Justiça Eleitoral

Justiça eleitoral vai combater fake news, afirma ministro Barroso

Presidente do TSE explica como a Justiça Eleitoral vai combater as fake news nas eleições de 2020.

quarta-feira, 7 de outubro de 2020

Em entrevista ao Migalhas, o presidente do TSE, ministro Luis Roberto Barroso tratou sobre as medidas que a Justiça Eleitoral tem adotado para mitigar os efeitos das fake news no processo eleitoral.

O ministro destacou que o Judiciário "não quer ser censor do debate público". Mas, se for preciso, a Justiça irá atrás, com os instrumentos legais possíveis, "dos profissionais da difusão da mentira". Assista ao vídeo:



Na entrevista, Barroso destacou o acordo firmado entre o TSE e redes socias para combater as notícias falsas. O acordo com as plataformas Facebook, Instagram, WhatsApp, Twitter, Google e TikTok faz parte de uma série de medidas tomadas pela Corte eleitoral para incentivar a circulação de informações oficiais sobre o processo eleitoral.

As plataformas devem fazer valer suas regras de conteúdo para evitar o uso abusivo dos serviços e a parceria irá identificar disparos em massa, robôs e banir contas suspeitas. 

Além disso, o ministro explicou que o TSE realizou acordo com todas as agências checadoras de notícias para que, qualquer notícia suspeita de ser falsa, imediatamente seja chegada. 

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 7/10/2020 14:15

LEIA MAIS